Ranking: Venda de Mangás no Japão (20/09 à 26/09)

Kimi ni Todoke estreia novo volume em primeiro.

Novo volume de Kimi ni Todoke estreando em primeiro lugar. As vendas da série continuam a crescer no Japão e segundo um artigo no Anime News Network o filme live-action baseado na obra entrou em cartaz no dia 24 (na segunda colocação) e com isso todos os 12 volumes da série entraram na lista do top 100 da Oricon (porém, só apareceu o volume 12 no top 30). O volume 12 ainda quebra um recorde da série e é o com melhor desempenho na primeira semana de todos já lançados. Ainda segundo o mesmo artigo todas as últimas sete edições venderam mais de um milhão de exemplares.

Todos os volumes de Kimi ni Todoke a partir do número 6 ficaram na primeira colocação em sua semana de estreia na lista do Oricon, ou seja, desde que a empresa começou a contabilizar a venda de mangás.

Na vice-liderança temos o segundo volume de Thermae Romae, vencedor do 3º Manga Taisho Award. Na época em que o mangá ganhou o prêmio o volume 1 voltou ao top 30 e permaneceu na lista por alguns meses, chegando até a entrar na 44ª posição do top 50 da primeira metade de 2010 com seus 343.392 exemplares vendidos. Thermae Romae é uma série seinen da editora Enterbrain e sai na revista Comic Beam (a mesma de Ooru da Conrad, Shirley e Emma) e fala sobre banho, comparando os hábitos de higiene dos antigos romanos aos dos japoneses.

Gantz sobe do quarto para o terceiro lugar, com quase 190.000 exemplares em suas duas semanas de ranking. As vendas começaram fracas mas cresceram e estão iguais às de um tankohon normal da série com a possibilidade de aparecer na lista por uma terceira semana.

No quarto lugar aparece novamente a série de boxe Hajime no Ippo com vendas estáveis, uma posição no ranking muito boa e assim como Gantz, é possível que a série apareça novamente na próxima lista.

Em quinto temos Uchu Kyodai, série que fala sobre dois rapazes que tentam se tornar astronautas. O curioso aqui é que a obra também concorreu ao Manga Taisho Award na segunda e terceira edições da premiação, sendo que nesta última ficou em segundo lugar perdendo para Thermae Romae por uma pequena diferença na pontuação. De qualquer forma a série apresenta crescimento em vendas em comparação aos volumes anteriores.

Hanakimi cai apenas uma posição e aparece em sexto lugar. O volume extra passou dos 100.000 exemplares em sua segunda semana e caminha em direção aos 150.000. É surpreendente que uma série que foi concluída em agosto de 2004 ainda tenha fôlego para vender tantos exemplares de um volume de extras em apenas duas semanas (ainda mais a autora não tendo emplacado nenhum grande sucesso depois disso).

Major #77 sobe uma posição e chega aos 130.000. Vale lembrar que a série de baseball tem uma outra versão do mesmo volume que conta separadamente.

Liar Game cai apenas duas posições e chega aos 130.000 exemplares vendidos. Apesar de não ter um anime a série foi ao ar como um dorama com duas temporadas bem sucedidas. É um seinen que seria interessante aparecer por aqui.

Kiyoku Iwaku, nosso nono lugar, é uma série shoujo serializada na Cookie (lar de Nana) e ganhou o 33º Kodansha Manga Award (2009) na categoria shoujo.

Em décimo ficou Koibana! Koiseyo Hanabi que é uma daquelas histórias de garota que odeia garotos e quer ir para uma escola feminina, mas por algum motivo ela acaba indo para um colégio cheio de garotos na proporção de sete rapazes para cada moça.

flat caiu da 3ª para a 11ª colocação. Otomen manteve o 12º lugar e as vendas passaram por pouco dos 100.000. O desempenho da série no ranking japonês está enfraquecendo.

Em 13º lugar estreia o 13º volume de Switch Girl, uma série sobre uma garota chamada Tamiya Nika que se arruma muito para ir a escola, mantém uma personalidade agradável no ambiente escolar, mas fora de lá ela só anda em roupas feias e tem uma personalidade ranzinza. Ela faz de tudo para evitar encontrar as pessoas da escola e nisso fica alternando de personalidade (daí o nome Switch Girl).

Kaiouki em sua segunda semana cai da 7ª para a 14ª posição, Area no Kishi cai da 11ª para a 15ª, Rozen Maiden cai da 9ª para a 16ª posição, mas todas essas séries passaram dos 100.000 exemplares vendidos em duas semanas.

Keroro Gunso ou Sgt. Frog apareceu em 17º lugar. A série ganhou o 50º Shogakukan Manga Award (2005) na categoria de mangá infantil.

O nono volume de Sora no Otoshimono, série com o encerramento das calcinhas voadoras (dá para deixar de mencionar?) aparece na 18ª posição. Na semana anterior ela ficou no 37º lugar, ou seja, ela subiu em vendas e apareceu.

Chihayafuru, caiu da primeira para a 19ª colocação. A série também passou dos 200.000 exemplares vendidos, mas foi uma queda muito brusca.

Aparece em 20º lugar o terceiro volume de Shinrei Tantei Yakumo, ou Psychic Detective Yakumo, originalmente uma série de light novels que recentemente foi adaptada para anime. O mangá é serializado na Asuka.

Em 22º lugar temos o segundo volume de The Super Dimensional Fortress Macross the First que é uma adaptação da série animada original de 1982 para mangá com os mechas e personagens atualizados. O mangaká encarregado do título é o responsável pelo character design do anime original. É serializado na Macross Ace da Kadokawa, uma revista só sobre o universo Macross.

RIN-NE surpreende e aguenta uma segunda semana caindo apenas duas posições, é o quinto volume da nova série de Rumiko Takahashi. The Sacred Blacksmith, que aparece na 26ª posição, já teve um anime de 12 episódios e é baseado em uma série de light novels.

As Estrelas Cantam: Hoshi wa Utau aparece pela segunda semana, assim como Berry Berry. Darker than Black: Shikkoku no Hana, o 28º do ranking, é um mangá que cobre os eventos que se passam entre a primeira e segunda temporada da série animada.

Essa semana foi boa de uma maneira geral, várias séries dignas de nota apareceram. A maioria dos mangás mais populares da semana passada continuaram na lista, mas muitas séries interessantes entraram, várias delas ganhadoras de prêmios. Algumas surpreenderam, mesmo que não tenha sido de uma maneira positiva.

Posição Anterior

Título

Autor

Vendas

Vendas Totais

Editora

1 Kimi ni Todoke #12 Karuho Shiina 570.979 570.979 Shueisha
2 Thermae Romae #02 Mari Yamazaki 114.520 114.520 Enterbrain
3 4 Gantz #29 Hiroya Oku 83.577 188.790 Shueisha
4 2 Hajime no Ippo #93 George Morikawa 82.378 188.790 Kodansha
5 Uchuu Kyodai #11 Chuuya Koyama 78.485 78.485 Kodansha
6 5 Hanakimi – After School Hisaya Nakajo 64.020 139.394 Hakusensha
7 8 Major #77 Takuya Mitsuda 63.159 130.415 Shogakukan
8 6 Liar Game #13 Shinobu Kaitani 59.177 130.564 Shueisha
9 Kiyoku Yawaku #13 Ryou Ikuemi 57.153 57.153 Shueisha
10 Koibana! Koiseyo Hanabi #09 Nagamu Nanaji 55.389 55.389 Shueisha
11 flat #04 Natsu Aogiri 53.095 161.948 Mag Garden
12 Otomen #11 Aya Kanno 51.164 102.695 Hakusensha
13 Switch Girl #13 Natsumi Aida 50.815 50.815 Shueisha
14 7 Kaioki #45 Masatoshi Kawahara 49.628 117.771 Kodansha
15 11 Area no Kishi #22 Tadashi Agi e Kaya Tsukiyama 48.411 105.356 Kodansha
16 9 Rozen Maiden #04 Peach-Pit 48.124 107.851 Shueisha
17 Keroro Gunso #21 Mine Yoshizaki 47.962 47.962 Kadokawa
18 37 Sora no Otoshimono #09 Suu Minazuki 46.342 70.174 Kadokawa
19 1 Chihayafuru #10 Yuki Suetsugu 42.005 206.411 Kodansha
20 Shinrei Tantei Yakumo (Psychic Detective Yakumo) #03 Manabu Kaminaga e Suzuka Oda 41.548 41.548 Kadokawa
21 15 Yankee-kun to Megane-chan #19 Miki Yoshikawa 36.679 79.148 Kodansha
22 The Super Dimension Fortress Macross The First #02 Haruhiko Mikimoto 35.928 38.439 Kadokawa
23 21 Rin-ne #05 Rumiko Takahashi 33.638 71.457 Shogakukan
24 18 Usogui #18 Toshio Sako 33.300 74.465 Shueisha
25 Five #14 Shiori Furukawa 33.159 33.159 Shueisha
26 The Sacred Blacksmith #04 Koutarou Yamada, Isao Miura e Runa 32.887 32.887 Media Factory
27 19 As Estrelas Cantam/Hoshi wa Utau #02 Natsuki Takaya 32.654 72.836 Hakusensha
28 Darker than Black: Shikkoku no Hana #03 Yuji Iwahara, BONES e Tensai Okamura 31.248 31.248 Square Enix
29 16 Berry Berry #03 Banri Hidaka 30.681 72.510 Hakusensha
30 Yandere Kanojo #04 Shinobi 30.377 30.377 Square Enix
Publicidade
close