Devil May Cry: Produtor de “Castlevania” assume nova série animada

Adi Shankar tá comprando tudo!

Adquiri os direitos de Devil May Cry para que os perdedores de Hollywood não f**** essa série também” – foram as palavras de Adi Shankar, em entrevista exclusiva ao IGN. O ar meio pedante envolvendo o anúncio de uma nova série animada da franquia de games Devil May Cry não é à toa, já que o produtor de Castlevania (a animação da Netflix) colhe a boa repercussão de seu trabalho, que ganhou rapidamente um sinal verde para a terceira temporada. Aliás, ele também está cotado para uma possível série de Zelda.

Segundo Shankar, esse novo desenho animado faria parte de um “multiverso”, embora não tenha ficado claro quem será mesclado com quem (juntar com Castlevania seria no mínimo estranho, uma vez que sequer nasceram da mesma desenvolvedora).

Por enquanto, nenhum detalhe a mais dessa nova série foi divulgado, então os fãs terão que aguardar pacientemente. Se você gostou de Castlevania, pelo menos pode ser uma espera sem tanta preocupação.

É bom lembrar que Devil May Cry ganhou um anime em 2007, produzido pelo estúdio Madhouse (Death Note, One-Punch Man 1ª temporada). Com distribuição pela Sato Company, a série está disponível na Netflix com idioma original e legendas em português.

[Via IGN]


Devil May Cry é uma série de games desenvolvida pela Capcom, com o primeiro título lançado em 2001 para o Playstation 2. Originalmente foi pensado como mais um capítulo da franquia Resident Evil, mas no fim se tornou um título independente. O último lançamento foi uma edição especial de Devil May Cry 4 (originalmente de 2008), que saiu este ano para Playstation 4, XBox One e PC. A nova sequência, Devil May Cry 5, será lançada no dia 8 de março de 2019 para as mesmas plataformas.

O plot original se inspira no clássico A Divina Comédia e gira em torno de Dante, um exterminador de demônios que deseja fazer vingança pela morte de sua mãe. O jogador controla o personagem enfrentando uma série de missões, usando itens com estratégia para atingir o melhor nível.

Em 2007, virou anime pelo estúdio Madhouse. Com 12 episódios, a série foi dirigida por Shin Itagaki, o mesmo da nova versão de Berserk.

Publicidade
close