Primeira mão: Sato Company será a distribuidora do novo anime de Fruits Basket

No entanto, ainda não se sabe como a série será exibida.

Além de Fire Force, a distribuidora Sato Company garantiu mais um título de peso junto à FUNimation. A nova versão animada de Fruits Basket, que estreou no Japão no último mês de abril, será representada no Brasil pela empresa, que também traz no catálogo o filme de My Hero Academia, o live-action de Tokyo Ghoul, séries tokusatsu clássicas como Jaspion e Changeman, dentre outros títulos nipônicos.

Por enquanto, ainda não há nenhum destino certo para o anime, mas devemos apostar em alguma plataforma de streaming (a Sato oferece conteúdo para boa parte dos serviços on demand atuais, como Netflix, Prime Video e até Globoplay). Curiosamente, antes mesmo da estreia japonesa, Fruits Basket já tinha uma página oficial em português, incluindo depoimentos dos atores voz originais com legendas em português (indisponíveis no momento de publicação desse post).

O novo Fruits Basket tem animação do estúdio TMS Entertainment (Saint Seiya: The Lost Canvas), com direção de Yoshihide Ibata, que trabalhou recentemente em FLCL Progressive (disponível via Crunchyroll). O desenho de personagens é assinado por Masaru Shindou, de Macross Delta, que tem a missão de fugir do traço original (um pedido da autora do mangá, que considera seu próprio traço “datado”).

A previsão é que dessa vez seja adaptada toda a história, já que o anime de 2001 cobriu apenas uma parte do mangá de Natsuki Takaya. A estreia, que aconteceu no dia 5 de abril, está definindo o título como “1ª temporada”, mostrando que pretende-se seguir o esquema de arcos separados para a série.

O elenco principal de vozes conta com:
Manaka Iwami (Teresa de Tada Never Falls in Love) como Tohru Honda
Nobunaga Shimazaki (Shido de Date a Live) como Yuki Souma
Yuuma Uchida (Ash Lynx de Banana Fish) como Kyo Souma
Yuuichi Nakamura (Gray de Fairy Tail) como Shigure Souma
Atsumi Tanezaki (Chise de The Ancient Magus’ Bride) como Arisa Uotani
Satomi Satou (Wendy de Fairy Tail) como Saki Hanajima

Pra quem é ligado nos temas musicais, a abertura é da cantora filipina Beverly (intérprete do tema de abertura da série tokusatsu Kamen Rider Build), com a canção chamada “Again“. Já o encerramento, ironicamente intitulado “Lucky Ending“, fica a cargo do cantor Vickeblanka (que já apareceu na 3ª abertura de Black Clover).

Lembrando que o mangá original será republicado no Brasil pela Editora JBC em edição de luxo.

[Informações via Sato Company]


Criado por Natsuki TakayaFruits Basket foi publicado no Japão entre 1998 e 2006, pela revista Hana to Yume. A história acompanha a órfã colegial Tohru Honda. Solitária e sem ter para onde ir após a morte de sua mãe, ela é acolhida pelos garotos da família Souma. Integrada ao novo ambiente, Tohru terá que ajudar a esconder um segredo absurdo dos rapazes: eles se transformam em animais do horóscopo chinês quando estão fracos ou são abraçados por alguém do sexo oposto.

Em 2001 virou um anime de 26 episódios pelo Studio DEEN (Fate/stay night), que não cobriu toda a história dos quadrinhos. A nova animação, que promete adaptar toda a trama, estreou no dia 5 de abril– saiba mais aqui.

Em 2015, quase 9 anos após o término do mangá original, a autora resolveu dar continuidade ao título com Fruits Basket Another, publicado inicialmente de forma gratuita na revista digital HanaLaLa. A série, que trabalha com novos personagens, reuniu 3 volumes. A autora ainda pretende trabalhar com sua obra mais famosa por meio de one-shots.

Publicidade
close