Imagem: Logo da Sega Sammy.

Em meio a perda financeira recorde, funcionários da Sega Sammy são solicitados a pedir aposentadoria

Pedido é devido às perdas financeiras em função da pandemia de COVID-19.

A Sega Sammy publicou um documento no qual solicita a funcionários que peçam aposentadoria, devido a reformas na empresa, que foi fortemente afetada pela pandemia do novo coronavírus. A projeção feita pela própria companhia é uma perda de 10 bilhões de ienes durante o ano fiscal de 2020 (que vai de março deste ano a março de 2021). O valor é, aproximadamente, 524 milhões de reais.

Dos 9.051 funcionários da empresa, 650 podem entrar com esse pedido de aposentadoria entre 16 de novembro e 25 de dezembro. Os diretores da Sega Sammy também terão cortes nos salários até o fim deste ano fiscal, que variam de 5 a 30% dependendo da posição (os cargos mais altos sofrerão cortes menores).

A empresa também vendeu parte das ações que possuía da Sanrio, tendo agora 7% das ações da dona da Hello Kitty – anteriormente, ela possuía 11,2%. Agora, a Kiyokawa Shoji é a empresa com o maior número de ações da Sanrio. Além disso tudo, a GENDA comprou 85,1% das ações de arcades e parques da Sega, tendo agora a gerência de arcades domésticos antes em mãos da Sega Sammy, segundo o Jiji Press.

A Sega Sammy foi criada em 2004, com a fusão da Sega e da Sammy Corporation, uma desenvolvedora e distribuidora de pachinko e pachislot. Como esse ramo de arcades é dependente de jogadores presenciais, as operações foram intensamente afetadas pela situação atual.


Fonte: Siliconera, ANN e Sega Sammy

Publicidade
close