Imagem: Os Power Rangers de 'Dino Fury'.

Power Rangers: Hasbro comenta planos de expansão da marca para os próximos anos

Universo compartilhado terá produções voltadas para crianças e adultos.

No final de outubro de 2020, a Hasbro havia comentado sobre as produções do novo universo compartilhado de Power Rangers (leia mais aqui). A empresa realizou nesta quinta (25) seu tradicional evento de investidores, desta vez de forma digital em razão da pandemia da COVID-19.

Segundo Brian Goldner, serão lançados 2 ou 3 filmes até 2023, além de 3 a 4 séries por ano via streaming. O CEO da Hasbro ainda ressaltou que a empresa está pronta para qualquer plataforma.

Power Rangers também terá novos jogos eletrônicos em parceria com empresas como Ubisoft, Scientific Games, Marmalade, Scopely, entre outras. Este anúncio foi feito por Chris Coks, presidente da Wizards of the Coast (subsidiária da Hasbro) e responsável pelas marcas Magic: The Gathering e Dungeons & Dragons.

O momento mais aguardado do evento foi o painel com a Entertainment One (eOne), o novo estúdio da Hasbro que está envolvido na produção de Power Rangers. Olivier Dumont, presidente da divisão de Família e marcas da eOne e também produtor executivo de Power Rangers Dino Fury, confirmou que a nova série terá mesmo duas temporadas.

A primeira estreou no último sábado (20) e a segunda estreia em 2022. Cada temporada terá 22 episódios. Dino Fury chega ao catálogo da Netflix num futuro próximo.

Steve Bertram, presidente da divisão de Filme e Cinema da eOne, disse que Power Rangers terá uma “reinvenção” encabeçada pelo roteirista Jonathan Entwistle, incluindo filmes, animações e séries voltados para crianças e adultos, mas não deu maiores detalhes.


Fonte: Mega Power Brasil


Power Rangers é uma adaptação norte-americana da franquia Super Sentai, conhecida pelo público brasileiro através das séries Changeman (1985), Flashman (1986), Goggle Five (1982) e Maskman (1987). Criada pelo empresário Haim Saban, a série foi ao ar pela primeira vez nos EUA em 28 de agosto de 1993 com o título Mighty Morphin Power Rangers e logo se tornou uma febre mundial. A primeira temporada apresenta os adolescentes Jason, Zack, Billy, Trini e Kimberly, que foram escolhidos por Zordon para lutar contra Rita Repulsa e seus capangas. Mais tarde aparece Tommy, o Ranger Verde, como vilão e posteriormente aliado do quinteto, mantendo destaque e admiração dos fãs até os dias de hoje.

A série sofreu mudanças de elenco, surgiram novos inimigos na trama, visuais diferentes para cada temporada e com o tempo foi se consolidando como uma franquia de super-heróis na TV americana. A marca Power Rangers foi inicialmente administrada pela antiga Saban Entertainment, depois foi transferida para a Disney em 2002, foi readquirida por Haim Saban em 2010 e finalmente vendida para a Hasbro (a mesma produtora de Transformers) em 2018. Os heróis multicoloridos não ficaram restritos à TV e atualmente mantêm expansão no cinema, no RPG e principalmente nos quadrinhos da editora BOOM! Studios.

No Brasil, Power Rangers estreou em 17 de outubro de 1994 no canal pago Fox e mais tarde em 2 de janeiro de 1995 como atração do extinto programa infantil TV Colosso, na Rede Globo, onde garantiu sucesso. Várias temporadas foram exibidas na Band, nos extintos canais pagos Fox Kids e Jetix, na Nickelodeon e atualmente no Cartoon Network, com a exibição de Power Rangers Morfagem Feroz.

Publicidade
close