Imagem: Yasuke em trailer dublado da Netflix.

Continuação de ‘Yasuke’ pode estar a caminho

Animê baseado em samurai africano que existiu de verdade seria apenas o começo de “grandes planos”.

Há poucos dias, a Netflix lançou Yasuke, um animê sobre o primeiro samurai africano, na plataforma. Os seis episódios são aparentemente “apenas o começo” e há “grandes planos” para a franquia, ao menos segundo perfil do músico Flying Lotus.

Em tradução livre, a mensagem diz:

“Esperamos que esses 6 episódios sirvam como uma introdução para esse mundo e deixem vocês esperando por mais. Temos grandes planos para Yasuke. É apenas o começo”.

Não há ainda confirmação por parte da Netflix ou do estúdio MAPPA sobre mais episódios ou outras séries a caminho. A informação também poderia estar relacionada a uma expansão em outras mídias, como mangás, jogos, etc.

A animação conta com direção de LeSean Thomas (Cannon Busters), se baseando no Yasuke do mundo real, mas com diversas liberdades criativas.

Segundo historiadores, Yasuke teria chegado ao Japão século XVI, quando as missões jesuítas portuguesas chegaram ao país, junto com o missionário Alessandro Valignano. O rapaz seria originário de Moçambique, logo despertando a atenção do povo local. Há dúvidas se ele seria um escravo, um cristão livre, ou alguma outra possibilidade.

Com Oda Nobunaga interessado na unificação das províncias japonesas e na cultura europeia, Yasuke desenvolveu uma amizade que lhe transformou posteriormente em um importante samurai. Relatos diziam que ele tinha 1,82m de altura (muito superior à média japonesa), com a força “equivalente a 10 homens”. Após a morte de Nobunaga, acabou expulso do país e não se sabe mais nada sobre ele.

Em maio de 2019, foi anunciada uma produção live-action estrelada por Chadwick Boseman (Pantera Negra), que infelizmente veio a falecer em 2020, antes do projeto caminhar.


Fonte: Flying Lotus via ANN

Publicidade
close