Imagem: Lelouch e Spike (esse está apontando uma arma), com fundo ao por do sol.

‘Cowboy Bebop’ e ‘Code Geass’ estreiam na Crunchyroll

Com estreia antecipada, séries já estão disponíveis no streaming.

A Crunchyroll anunciou ontem (22) a chegada de Cowboy Bebop e Code Geass – incluindo a sequência Code Geass: Lelouch of the Rebellion R2 e o OVA Code Geass: Akito the Exiled em julho, mas a estreia acabou adiada e as séries já estão disponíveis.

Cowboy Bebop agora está no serviço e também na Funimation. Já a série original de Code Geass e R2 estão na Netflix, que possui também o filme Lelouch of the Resurrection. O OVA Akito the Exiled chega pela primeira vez oficialmente ao Brasil agora pela Crunchyroll. Ambas franquias entram apenas com opção de legendas.


Fonte: Crunchyroll


Cowboy Bebop

Cowboy Bebop foi concebido como uma série animada do estúdio Sunrise em 1998. O enredo é ambientado em um futuro onde a humanidade expande territórios no espaço e pode viajar rapidamente de um planeta ao outro. Nessa realidade, a criminalidade pelo universo aumenta assustadoramente, fazendo com que se crie a “Lei Cowboy”, que permite que qualquer cidadão comum possa caçar criminosos em troca de recompensas.

Os 26 episódios do animê foram exibidos no Brasil pelo extinto canal Locomotion, no começo dos anos 2000. O título virou um “cult” das animações japonesas, aquele tipo de série que supera o nicho e agrada em cheio ao público geral.

A versão em mangá foi lançada por aqui pela JBC e o filme baseado na série recebeu uma ótima versão brasileira no Rio, sendo exibido em alguns cinemas e lançado em DVD.

O animê chegou a ter uma curta exibição também pelo canal i.Sat, com idioma em inglês. A série está legendada na Funimation desde a estreia do serviço no Brasil e também na Crunchyroll.


Code Geass

Lelouch of the Rebellion

Lelouch e personagens de Code Geass, a imagem é recortada de uma capa de jogo do Nintendo DS.

Code Geass começou com uma série de TV produzida entre 2006 e 2008, com duas temporadas que somam 50 episódios. Na trama, o Japão foi dominado pelo Império da Britannia, que renomeou o país como Área 11. Nesse ambiente está o príncipe Lelouch, que se mudou após um atentado que vitimou sua mãe e trouxe sequelas graves à sua irmã.

Munido de um poder chamado de “Geass” (dado por uma misteriosa garota chamada C.C), capaz de controlar as ações de outros humanos, Lelouch agora almeja encontrar os assassinos de sua mãe, além de destruir o Império de Britannia, promovendo a existência do que considera ser um mundo melhor para sua querida irmã. Outras obras vieram depois.

A Editora JBC publicou três adaptações em mangá entre 2011 e 2012: Code Geass: A Rebelião de Lelouch (8 volumes), Code Geass: O Contra-Ataque de Suzaku (2 volumes) e Code Geass: O Pesadelo de Nunnally (5 volumes).

Publicidade
close