Imagem: Yoh Asakura em volume 1 de 'Shaman King'.

Shaman King: Com formato semelhante, nova edição é 40% mais cara que ‘Haikyu!!’

Confira capa, preço e outros detalhes da nova edição do mangá.

Na noite da última sexta-feira (9), a JBC revelou, via YouTube, os últimos detalhes a respeito da nova edição de Shaman King.

O mangá de Hiroyuki Takei, publicado originalmente em 35 volumes no Japão, retorna ao Brasil agora em edição 2 em 1, completo em 18 tomos de cerca de 400 páginas, miolo em papel offset 90g, páginas coloridas e sobrecapa.

A capa também foi revelada (imagem abaixo) e, como havia sido adiantado pela editora, a tradução será a mesma da publicação de 2003 em meio-tanko, feita por Arnaldo Massato Oka, mas com nova revisão.

Imagem: Capa de 'Shaman King 1'.
Reprodução.

O preço de R$ 69,90, no entanto, assustou boa parte do público que havia comemorado os R$ 49,90 de Haikyu!!, que a despeito de não possuir sobrecapa, conta com um papel superior (pólen) ao do relançamento de Shaman King e tem as mesmas 400 páginas por volume.

Imagem: Sobrecapa de 'Shaman King'.
Reprodução.

Numa conta rápida, no caso do mangá de vôlei há uma economia se considerarmos o preço médio dos volumes em formato tankobon atualmente (R$ 29,90, ou seja, uma diferença de arredondados R$ 10,00). Já em relação à obra de Takei, é como se custasse R$ 35,00 a cada 200 páginas — isto é, cerca de R$ 5,00 mais caro do que um volume da reimpressão  Hunter x Hunter, por exemplo (que conta com o mesmo papel offset).

O primeiro volume de Shaman King, com lançamento previsto para 30 de agosto, já está em pré-venda na Amazon com desconto de 30%, saindo por R$ 48,90 — neste momento ocupa inclusive a 1ª posição na lista de quadrinhos mais vendidos do site.

Segundo a JBC, não há a garantia de que o mesmo desconto será aplicado na pré-venda dos demais volumes. Caso queira, compre o volume pelo nosso link.


Fonte: Editora JBC.


Shaman King

Shaman King nasceu como um mangá de Hiroyuki Takei, publicado na popular Shonen Jump (Shueisha) entre 1998 e 2004, totalizando 32 volumes encadernados (mas uma reimpressão em 2009 trouxe o chamado “verdadeiro final”). Uma continuação intitulada Shaman King: The Super Star teve início em 2018 na Shonen Magazine Edge, da Kodansha, com 3 volumes até então. Outros spin-offs em mangá também foram publicados no Japão ao longo dos últimos anos.

A história começa quando um garotinho chamado Manta, durante um retorno para casa após o cursinho, resolve pegar um atalho por um cemitério. Por lá ele avista um outro garoto, Yoh Asakura, que conversa com um espírito. Em seguida, Yoh entra para a escola de Manta e explica que ele é um shaman, e que procura por um espírito parceiro para participar de um grande torneio mundial de shamans.

O animê de 2001 estreou no Brasil em 2002 pela Fox Kids e teve alguns episódios lançados em DVD. Adquirido pela Globo, teve poucos episódios exibidos, indo para a geladeira por ser considerado impróprio para as manhãs. Mais tarde, foi exibido em plataformas de streaming como o Claro Vídeo. Já o mangá, foi publicado por completo pela Editora JBC, em formato meio-tanko (metade de um volume japonês), totalizando 64 edições – antes de existir o novo final.

Publicidade
close