Imagem: Jolyne Cujoh em 'JoJo: Stone Ocean'.

JoJo: Parte 6 ganha trailer e anuncia estreia mundial na Netflix (AT)

Animação de ‘JoJo: Stone Ocean’ foi anunciada em abril e terá Ai Fairouz, atriz fã da série, interpretando a protagonista. Estreia está prevista para dezembro.

Em uma apresentação especial, foi revelado o primeiro trailer do animê da sexta parte do mangá de JoJo’s Bizarre Adventure, intitulada Stone Ocean. A atriz Ai Fairouz (Manatsu em Tropical-Rouge Precure), fã da série, interpreta a protagonista Jolyne Cujoh.

Algumas cenas e imagens promocionais vazaram pela imprensa há alguns dias, indicando que um novo trailer estava a caminho. A nova fase está prevista para dezembro de 2021, com estreia mundial pela Netflix.

Confira o trailer:

Jolyne é filha de Jotaro, protagonista em Stardust Crusaders. A trama dessa parte começa em 2011, após os eventos de Vento Áureo, quando ela é presa, acusada de assassinato, e precisa enfrentar um antigo seguidor de Dio. A publicação dessa parte ocorreu de 1999 a 2003, com 158 capítulos reunidos em 17 volumes (do #64 ao #80).

Um novo pôster também foi divulgado:

Imagem: Pôster promocional de 'JoJo: Stone Ocean'.
Reprodução: David Production.

As 5 partes anteriores estão todas disponíveis na Crunchyroll e quatro partes estão na Netflix, com duas delas dubladas. A Funimation recentemente adicionou as partes 1 a 3, apenas com legendas.

A Panini publica o mangá no Brasil, já estando na 4ª parte. No Japão, a 8ª parte está para ser encerrada ainda neste mês, mas supõe-se que há ainda mais uma última fase a caminho.

Confira a apresentação completa, com legendas em inglês:

ATUALIZAÇÃO:

Acrescentadas informações sobre a estreia mundial do animê na Netflix e inserido o trailer postado nos canais do serviço brasileiro.

Atualizado pela última vez às 12h36 do dia 8 de agosto de 2021.

Fonte: Warner


JoJo’s Bizarre Adventure

JoJo no Kimyou na Bouken

Criado por Hirohiko Araki em 1987, JoJo’s Bizarre Adventure (JoJo no Kimiyou na Bouken) foi publicado na revista Weekly Shonen Jump até 2004, quando migrou para a revista Ultra Jump (dedicada a um público mais “maduro”), onde é editado até hoje, rendendo a marca de 129 volumes encadernados. No Brasil, a Panini publica uma edição com mais páginas por volume em comparação com o encadernado original, baseada em uma coleção japonesa chamada de bunkoban. Estão garantidos por aqui os 3 primeiros arcos: Phantom Blood (3 volumes, já publicados em formato impresso), Battle Tendency (4 volumes, em publicação) e Stardust Crusaders (10 volumes). No Japão, a saga se encontra em seu oitavo arco, conhecido como JoJolion.

A obra ganhou a primeira adaptação animada em 1993, com uma série de OVAs (animação lançada direta no mercado de vídeo) de 6 episódios e outra em 2000 com mais 7 episódios. Em 2007 ganhou um longa animado adaptando o arco Phantom Blood, com direção de Junichi Hayama. Finalmente, em 2012 começou a série de anime “definitiva”, com animação do estúdio David Production (Captain Tsubasa 2018). Esta última produção trouxe holofotes para JoJo no mundo todo, com um sucesso que garantiu a produção de mais temporadas – a última foi 4ª temporada, encerrada no último mês de julho adaptando o 5º arco do mangá, Golden Wind (ou Vento Aureo).

Publicidade
close