Imagem: Personagens de 'Yashahime'.

Yashahime: Mangá é anunciado

Spin-off de ‘InuYasha’ terá mangá por Takashi Shiina, de ‘Zettai Kraken Children’.

O site oficial do animê Yashahime: Princess Half-Demon (Hanyou no Yasha-hime) anunciou hoje (19) que o animê receberá uma adaptação em mangá.

Quem ficará a cargo da adaptação é o mangaká Takashi Shiina. Foi divulagada uma arte dos personagens de Yashahime com os de seu mangá Zettai Karen Children, que terminou mês passado, troço de Shiina.

Imagem: Personagens de 'Yashahime' em mangá.
Reprodução | Takashi Shiina.

O mangá começará a ser publicado no dia 25 de setembro, nas páginas da revista Weekly Shonen Sunday, da editora Kodansha.

Yashahime está disponível com dublagem na Crunchyroll, Funimation e Pluto TV. Uma nova temporada será exibida em breve.

Na trama, Sesshoumaru teve duas filhas mas uma delas, Towa, se separa da irmã, Setsuna, parando nos tempos atuais, onde é criada pelo irmão de Kagome. Quando Towa consegue voltar para seu “mundo”, ela descobre que a irmã esqueceu completamente de sua existência.

Junto com Moroha, filha de Inuyasha e Kagome, as três embarcam em uma aventura atrás do passado perdido. Temos uma resenha do primeiro episódio.


Fonte: ANN


Imagem: Kagome e Inuyasha no mangá.

InuYasha é mais uma criação de Rumiko Takashi, famosa por sucessos como Urusei Yatsura (Turma do Barulho no Brasil) e Ranma 1/2. Seriado nas páginas da revista Shonen Sunday entre 1996 e 2008, a série rendeu um total de 56 volumes encadernados, acompanhando a jornada da jovem Kagome, que viaja sem querer para o Japão feudal e liberta um meio-youkai chamado InuYasha, com quem deve se aliar para procurar os fragmentos da Joia de Quatro Almas.

A série animada estreou no Japão em 2000, com produção do estúdio Sunrise, sendo finalizada com 167 episódios em 2004. Anos mais tarde, em 2009, mais 26 episódios foram lançados na temporada conhecida como InuYasha: Kanketsu-hen (ou The Final Act), que finalizou a saga do meio-youkai e da garota que veio do futuro.

No Brasil, o mangá foi publicado pela Editora JBC a partir de 2002 em formato meio-tanko (totalizando 112 volumes) e será relançado em edição especial em 2021. Já o animê estreou via Cartoon Network também em 2002 e fez sucesso junto ao público – mesmo sofrendo com cortes e censuras promovidos pela distribuidora Televix. 30 episódios chegaram a ser exibidos também em TV aberta pela Rede Globo e os filmes estrearam por aqui pela Netflix.

O Prime Video exibe todas as animações, porém os episódios finais estão disponíveis somente em espanhol.

Publicidade
close