Imagem: Protagonista de 'Blade Runner: Black Lotus'.

Blade Runner: Animê ganha data de estreia e trailer

‘Blade Runner: Black Lotus’ estreia em novembro na Crunchyroll!

Durante o seu painel na New York Comic Con hoje (07), a Crunchyroll divulgou a data de estreia de Blade Runner: Black Lotus, marcada para 14 de novembro. A série chega apenas legendada.

Confira também um novo trailer:

O painel contou com a presença de Shinji Aramaki (co-diretor), Kenji Kamiyama (co-diretor), Joseph Chou (produtor executivo), e o futurista Maurice Conti, que compartilhou sua opinião de como o universo de Blade Runner se compara com o futuro que nos espera no mundo real. A produção é do estúdio Sola Digital Arts, com Shinichiro Watanabe atuando como produtor criativo.

O animê é uma coprodução com o Adult Swim. Vale destacar que nos EUA a animação será exibida no Toonami, dentro do canal Adult Swim. Apesar do bloco estar na grade do Cartoon Network aqui no país, apenas sua exibição na Crunchyroll está confirmada.

A história se passa em 2032, na cidade de Los Angeles. Lá, uma jovem acorda sem memórias e precisa descobrir sobre seu passado. Suas únicas pistas? Um aparelho criptografado e uma tatuagem de lótus preta.

A animação contará com 13 episódios produzidos pela Alcon Entertaiment e Sola Digital Art. A direção está a cargo de Shinji Aramaki e Kenji Kamiyama (ambos trabalharam em The Ghost in the Shell: SAC_2045). A trama se passa em 2032, 10 anos após o curta dirigido por Shinichiro Watanabe, Blade Runner: Black Out 2022, e terá como protagonista uma replicante feminina.

Em 1982 chegava às telonas Blade Runner – O Caçador de Andróides. Adaptando o livro Andróides Sonham com Ovelhas Elétricas?,  de Phillip K. Dick (1928-1982), o filme foi mal recebido por crítica e público na época de seu lançamento. Anos depois veio se tornar um clássico Cult, com 4 versões já lançadas – incluindo uma versão do diretor Ridley Scott.

Em 2017 ganhou uma continuação, Blade Runner 2049 e três curtas animados – um deles dirigido por Watanabe. A série se passa num futuro cyberpunk, quando a humanidade coloniza outros planetas e começa a criar replicantes – andróides tão perfeitos que quase se passam por humanos.


Fonte: Release de imprensa

Publicidade
close