Imagem: Alice Caymmi e Serena/Usagi Tsukino em montagem.

Sailor Moon: Alice Caymmi, neta de Dorival Caymmi, lança cover da abertura em novo álbum

Cantora fez uma versão da música em ‘Imaculada’, álbum lançado em outubro.

Alice Caymmi, neta do já falecido cantor e compositor Dorival Caymmi, lançou em outubro o álbum Imaculada. Entre as faixas, está uma versão de A Lenda da Luz da Lua (Moonlight Densetsu), a abertura nacional de Sailor Moon, pela cantora.

Fora a música do animê, as faixas são todas autorais. Alice considera um álbum autobiográfico mas também um encontro “de Millienials com a Geração Z”. A letra utilizada foi da versão do extinto estúdio Gota Mágica.

Alice é filha de Danilo Caymmi e gravou sua primeira música “oficial” aos 12 anos, inclusiva num álbum de sua tia, Nana Caymmi.

Sailor Moon foi certamente um marco para muitos que cresceram nos anos 1990. Recentemente, lançamos um episódio de O Japão na Minha Vida trazendo Letícia Cosmos, uma grande fã da série. A abertura da série também foi tema de uma apresentação olímpica.

Agradecemos ao leitor Matheus pela dica.


Pretty Guardian Sailor Moon

Bishoujo Senshi Seera Muun

Imagem: As Sailor Moon na versão dos anos 1990.

Sailor Moon foi criado como um mangá por Naoko Takeuchi no final de 1991, nas páginas da revista japonesa Nakayoshi, sendo finalizado em 1997 (originalmente com 18 volumes). Em 1992, virou uma série animada pela Toei Animation, encerrada em 1997.

Na história, Serena Tsukino (Usagi Tsukino) é uma estudante de 14 anos, chorona e que não vai muito bem na escola. Um dia ela se encontra com uma gata falante e recebe poderes para se transformar em Sailor Moon, uma heroína que luta pela justiça. Outras Sailors, com poderes inspirados nos planetas do sistema solar, juntam-se com o tempo, formando uma equipe de guerreiras.

A série estreou no Brasil em 1996, pela extinta Rede Manchete. Retornou à TV em 2000, pelo Cartoon Network, a partir da temporada Sailor Moon R. Todas as fases seguintes, nomeadas como SSuper S e Stars, foram exibidas pela emissora paga. Sailor Moon R também teve uma rápida passagem pela TV Record, sendo exibido dentro do infantil Eliana & Alegria. Alguns episódios das fases R e S foram lançados em DVD, enquanto a primeira temporada teve alguns episódios lançados em VHS.

Após mais de 10 anos de negociação, a Editora JBC publicou o mangá original por aqui a partir de 2014. Foi usada como base uma reedição fechada em 12 volumes. A empresa também lançou os 2 volumes de Sailor Moon: Short Stories e de Sailor V, história que deu origem a Sailor Moon.

Em 2014, a Toei Animation produziu em parceria com o estúdio Deen a série Sailor Moon Crystal, um remake animado mais próximo à história do mangá. A série foi exibida por aqui via Crunchyroll, com legendas em português. Os filmes Sailor Moon Eternal, dando continuidade ao remake, estrearam na Netflix em 2021.

Publicidade
close