Imagem: O Kamen Rider Black Sun.

Kamen Rider Black Sun: Visual e atores principais finalmente são revelados

O visual do herói tem elementos do design original de Shotaro Ishinomori, além de lembrar a linha S.I.C da Bandai.

O grande momento que todos esperavam finalmente chegou! Durante o terceiro e último dia do evento online da Tamashii Nation, realizado neste fim de sábado (20) pelo horário de Brasília – domingo no Japão – a Toei divulgou novas informações sobre Kamen Rider Black Sun.

OBS: A divulgação estava prevista originalmente para esta sexta (19), numa coletiva de imprensa.

O visual do herói tem elementos do design original criado por Shotaro Ishinomori, para o mangá. O que chama mais atenção ainda é que o traje é parecido com o estilo das figures dos Kamen Riders da famosa linha Super Imaginative Chogokin (S.I.C.), comercializada no Japão pela Bandai. Veja:

Também fora relevados dois atores. Hidetoshi Nishijima (50) será Kotaro Minami, o alter ego de Kamen Rider Black Sun. E Tomoya Nakamura (34) será Nobuhiko Akizuki, o alter ego de Kamen Rider Shadow Moon (sim, o vilão será mesmo um Rider nesta versão).

Nishijima estará, inclusive, no filme Shin Ultraman. Curiosamente, ele dublou o astro Ryan Reynolds no filme Pokémon: Detetive Pikachu (2019).

Ao contrário do painel da minissérie Ultra Galaxy Fight: The Destined Crossroad, o vídeo com a transmissão do painel de Black Sun está indisponível no Brasil.

Kamen Rider Black Sun tem direção de Kazuya Shiraishi (KyoakuThe Blood of Wolves), roteiro de Izumi Takahashi (Tokyo Revengrs), criação de conceitos visuais por Shinji Higuchi (Evangelion, Shin Ultraman) e direção de efeitos especiais de Kiyotaka Taguchi (Ultraman Orb, Ultraman Trigger: New Generation Tiga). A estreia está prevista para o primeiro semestre de 2022.


Fonte: Toei Company


Kamen Rider Black

Foto: Divulgação/Toei

Kamen Rider Black foi exibido pelas emissoras japonesas TBS e MBS, de 4 de outubro de 1987 a 9 de outubro de 1988, totalizando 51 episódios (e mais dois para o cinema). Sendo a oitava série da franquia dos motoqueiros mascarados, a proposta inicial era ser um “marco zero”. Ou seja, um novo começo e sem relação com seus antecessores (mas essa ideia logo foi descartada).

A trama envolve os irmãos adotivos Issamu Minami (Kotaro Minami) e Nobuhiko Akizuki, que nasceram durante um eclipse solar e foram destinados a disputarem pelo título de Imperador Secular do satânico Império Gorgom. No dia em que completaram 19 anos, Issamu e Nobuhiko foram submetidos a uma metamorfose para se tornarem Black Sun e Shadow Moon, respectivamente. Apenas Issamu consegui escapar, mas adquiriu superpoderes. Como Kamen Rider Black, o jovem enfrenta os monstros da semana enviados pelos sacerdotes de Gorgom. O nascimento de Shadow Moon marca o início da fase final da série, marcada pela morte e ressurreição do “homem mutante”.

Em 1995, a Manchete exibiu a sua continuação, Kamen Rider Black RX (de 1988). Issamu Minami ganha novos poderes e passa a enfrentar os invasores espaciais do Imperio Crisis. Durante a trama, RX ganha duas formas: Robo Rider e Bio Rider. Black RX foi adaptado nos EUA para o bizarro Saban’s Masked Rider, que foi exibido no Brasil pelo extinto canal pago Fox Kids, ao mesmo tempo que a versão original era exibida na TV aberta. Atualmente os direitos de Black RX estão expirados desde quando a Disney era a detentora de Power RangersVR Troopers e Beetleborgs na década de 2000.

Publicidade
close