Imagem: O Kamen Rider Kuuga.

Kamen Rider Kuuga: Série tokusatsu será exibida no Brasil

Série chega oficialmente ao Brasil via Sato Company em 2022.

No final da noite desta terça (30), o canal Resistência Tokusatsu, comandado por Bone Lopes, realizou uma live dedicada à franquia Kamen Rider. Com as participações de Edi Carlos, gerente de marketing e comunicação da Editora JBC, Raphael Maifrre, dos canais Mega Power Brasil e Mega Hero, e Gustavo Iracema (Gustavaum), tradutor da Sato Company, o canal revelou em primeira mão o lançamento de Kamen Rider Kuuga para o Brasil.

O anúncio foi realizado pelo próprio Iracema, com autorização da distribuidora. Por ora, ainda não há informações sobre data de lançamento (previsão para 2022), tampouco a plataforma de exibição, mas a série a princípio deve chegar apenas legendada (a tradução está em andamento). Também foi confirmado que a série terá imagem remasterizada em HD.

Assista à live na íntegra:

Kamen Rider Kuuga quase foi exibido no Brasil em meados na década de 2000. Devido ao retorno d’Os Cavaleiros do Zodíaco na TV brasileira em 2003, pelo canal pago Cartoon Network, a Imagine Action Dá Licença, antiga distribuidora do sr. Luiz Angelotti, apostou no título. As emissoras cogitadas, segundo informações publicadas na revista Anime Kids (de setembro de 2002), seriam a Globo e o extinto canal pago Fox Kids. Infelizmente as negociações não engrenaram e o título ficou eternamente preso na gaveta. O sr. Angelotti falou a respeito em entrevista para o canal JBox TV.

Recentemente, a Editora JBC lançou o mangá de Kamen Rider Kuuga em formato big. Leia aqui a resenha sobre o primeiro volume. A Sato Company também anunciou recentemente a representação da franquia Kamen Rider para a América Latina, além de registrar a série Kamen Rider Black RX em seu site.


Fonte: Gustavo Iracema via Resistência Tokusatsu


No fear, no pain

Kamen Rider Kuuga | Foto: Divulgação/Toei/Ishimori Pro

Kamen Rider Kuuga foi a segunda obra póstuma do mangaká Shotaro Ishinomori (1938~1998). Sendo Moero! Robocon a primeira, exibida pela TV Asahi entre 31 de janeiro de 1999 e 23 de janeiro de 2000 – substituindo as séries Metal Hero na faixa dominical das 8h da manhã.

Devido o sucesso de Moero! Robocon, que atingiu 10% de audiência, a Toei se motivou a formar um novo “boom” de Kamen Rider. Curiosamente, Kuuga seria contado como o 15º Rider, considerando naquele momento que Black e Black RX eram vistos como um só.

Joe Odagiri como Yusuke Godai | Foto: Divulgação/Toei

Yusuke Godai é um jovem de 25 anos que havia viajado pelo mundo. Sempre positivo e fazendo o sinal com o polegar para cima (usado pelos romanos para aprovações), carrega o desejo de completar a meta de 2000 habilidades e principalmente de proteger o sorriso das pessoas. Um dia ele consegue um estranho cinto originado de uma antiga civilização e se transforma em Kuuga para lutar contra a tribo Grongi. Seus aliados são o policial Kaoru Ichijou, sua grande amiga Sakurako Sawatari, além da própria polícia que classificou as criaturas como “entidades desconhecidas”.

A série teve 49 episódios e foi ao ar nas manhãs de domingo da TV Asahi, de 30 de janeiro de 2000 a 21 de janeiro de 2001.

Kamen Rider Kuuga quase foi exibido no Brasil em meados na década de 2000. Devido ao retorno d’Os Cavaleiros do Zodíaco na TV brasileira em 2003, pelo canal pago Cartoon Network, a Imagine Action Dá Licença, antiga distribuidora do sr. Luiz Angelotti, apostou no título. As emissoras cogitadas, segundo informações publicadas na revista Anime Kids (de setembro de 2002), seriam a Globo e o extinto canal pago Fox Kids. Infelizmente as negociações não engrenaram e o título ficou eternamente preso na gaveta. O sr. Angelotti falou a respeito em entrevista para o canal JBox TV.

Curiosamente, Kuuga estreou nos EUA em 1º de maio de 2020 pela plataforma de streaming TokuSHOUTsu.

No Brasil e em vários outros países, o canal Toei Tokusatsu World Official no YouTube disponibiliza os dois primeiros episódios de Kamen Rider Kuuga, como parte da comemoração aos 50 anos da franquia.