Imagem: Mãe de Tohru Honda abraçando a filha.

‘Fruits Basket: Prelude’ acumula 33 milhões de ienes em dois dias de estreia

Filme estreou nos cinemas japoneses na última sexta-feira, e traz a história dos pais da protagonista.

Foi divulgado que o filme Fruits Basket: Prelude acumulou 33 milhões de ienes (1,4 milhão de reais) na sexta-feira e no sábado, os dois primeiros dias do longa nos cinemas. Foram 20 mil ingressos vendidos. O longa inclui Kyoko to Katsuya no Monogatari (A História de Kyoko e Katsuya), a história dos pais de Tohru Honda, não adaptada pela animação para TV.

Também há novas cenas, criadas exclusivamente para o longa pela autora do mangá, Natsuki Takaya, com eventos após a trama da animação exibida na TV. Quem foi no cinema até 4 de março, ganhará ainda um livreto especial com um epilógo escrito e desenhador por Takaya.

No início da trama de Furuba, os pais da personagem já estão mortos. Katsuya faleceu quando Tohru tinha apenas 3 anos, vítima de uma pneumonia numa viagem a trabalho. Já Kyoko morre meses antes do começo da história, atropelada por um carro.

Esse filme fecha a nova animação de Fruist Basket, a segunda adaptação do mangá de Natsuki Takaya, iniciada em 2019 e produzida pelo estúdio TMS. No Brasil, a animação pode ser assistida com dublagem na Funimation. A JBC está relançando o mangá em formato de luxo.


Fonte: ANN


O JBox participa de parcerias comerciais com Amazon e Funimation, podendo ganhar um valor em cima das compras realizadas a partir dos links do site. Contudo, o JBox não tem responsabilidade sobre possíveis erros presentes em recursos integrados ao site mas produzidos por terceiros.


Fruits Basket adapta o mangá original de Natsuki Takaya, publicado no Japão entre 1998 e 2006, pela revista Hana to Yume. A história acompanha a órfã colegial Tohru Honda. Solitária e sem ter para onde ir após a morte de sua mãe, ela é acolhida pelos garotos da família Souma. Integrada ao novo ambiente, Tohru terá que ajudar a esconder um segredo absurdo dos rapazes: eles se transformam em animais do horóscopo chinês quando estão fracos ou são abraçados por alguém do sexo oposto.

A série recebeu uma adaptação animada de 26 episódios pelo estúdio DEEN em 2001, sem cobrir toda a história. A nova adaptação, agora pelo estúdio TMS (Saint Seiya: The Lost Canvas), estreou no Japão em 2019. A JBC publicou a obra original no Brasil nos anos 2000 e, atualmente, a republica em formato de luxo (também disponibilizando uma edição digital).

Uma continuação, Fruits Basket Another, começou a ser publicada pela autora em 2015 mas, com 13 capítulos, ela informou não ter mais intenção de continuar a série. O último volume sai no dia da estreia do filme prelude.

A 1ª temporada está disponível legendada pela Funimation, NOW e Vivo Play. A 2ª e 3ª estão disponíveis apenas na Funimation.

Imagem: Tela de 'Fruits Basket' na Funimation.
Clique na imagem para acessar a página da série na Funimation. | Reprodução: Funimation.
Publicidade
close