Imagem: Kaguya e Urano em montagem.

“Kaguya-sama 3”, “Ascendance of a Bookworm 3”, ‘Date A Live 4’ e mais estreias na Crunchyroll

Streaming revelou novos títulos da temporada de primavera 2022!

A Crunchyroll anunciou hoe (22) mais títulos para a temporada de primavera. Com a unificação com a Funimation, o catálogo ficou bem cheio, confira:

  • Ascendance of a Bookworm (3ª temporada);
  • Build Divide (2ª temporada);
  • Date A Live (4ª temporada);
  • Fanfare of Adolescence (Gunjou no Fanfare);
  • Kaguya-sama (3ª temporada);
  • Kunoichi Tsubaki;
  • Love All Play;
  • Magia Record: Madoka Magica Gaiden (3ª temporada);
  • Mahjong Soul Pon (Jong-Tama Pong);
  • Science Fell in Love, So I Tried to Prove It (2ª temporada);
  • Trapped in a Dating Sim;

Conheça mais sobre cada um a seguir.

Ascendance of a Bookworm

Honzuki no Gekokujou

A animação adapta a série de novels escrita por Miya Kazuki de 2013 a 2017 na plataforma independente Shosetsuka ni Narou. A editora TO Books publica uma versão em tomos desde 2015, com 27 volumes até o momento. A NewPOP confirmou a publicação da série no Brasil. A 3ª temporada estreia em 11 de abril.

O animê foi exibido em duas temporadas entre 2019 e 2020, com produção pelo estúdio Ajia-do Animation Works, com um total de 26 episódios e 2 OVA até o momento. A Crunchyroll exibiu a série em modelo simultâneo, e ela ainda pode ser conferida no catálogo do streaming.

A trama traz Urano Mototsu, uma universitária que ama livros e está prestes a se tornar uma bibliotecária. Contudo, ela morre sufocada por uma pilha de livros durante um terremoto. Em seus últimos momentos, a jovem deseja renascer em um mundo onde pode ler livros para sempre.

Ao retomar a consciência, ela está no corpo de uma garota de 5 anos chamada Myne, em um monde onde livros são escarcos e apenas nobres podem lê-los. Com as memórias de sua vida anterior, a garota decide imprimir seus próprios livros para ler de novo.


BUILD DIVIDE

BUILD-DIVIDE -#​FFFFFF- CODE WHITE, a segunda temporada de Build Divide (a primeira era #000000- CODE BLACK) é parte de um projeto multimídia da Aniplex, Yuhodo, Liden Films, Homura Kawamoto (de Kakegurui) e Hikaru Muno, e a primeira fase está tanto na Crunchyroll quanto na Funimation. A fase estreia em 2 de abril.

Além do animê, há também um jogo de cartas colecionáveis. Code Black teve direção de Yuki Komada, com roteiro por Yoriko Tomita. A trama se passa na Nova Kyoto, governada pelo “Rei”, o mais forte no jogo Build Divide. Quem derrotá-lo, terá um desejo atendido, mas para isso, é preciso competir em um torneio.


DATE A LIVE

Date a Live é uma série de light novels com autoria de Koshi Tachibana e ilustrações por Tsunako, seriada na revista Dragon Magazine desde 2011. Ela começou pela editora Fujimi Shobo, mas essa marca foi “desligada” e incorporada pela Kadokawa em 2013 – no entanto, a publicação ainda pertence ao selo Fujimi Fantasia Bunko. 22 volumes da história principal foram publicados, com mais 10 volumes spin-offs.

A trama começa quando um “terremoto espacial” devasta o centro da Eurásia, causando mais de 150 milhões de mortes. Nos anos seguintes, terremotos espaciais de magnitude menor seguem ocorrendo. O estudante Shido Itsuka um dia encontra uma garota no hipocentro (ponto sobre a superfície da Terra onde ocorre uma explosão) de um desses terremtos.

Ele descobre que a jovem é um “espírito” de outra dimensão responsável por esse tipo de evento e que sua irmã, Kotori, faz parte de uma organização buscando selá-los, e ela o recruta para ajudar. Contudo, tem uma questão: para selar um espírito, é preciso fazê-lo se apaixonar pela pessoa e, assim, beijá-lo.

A nova fase estava agendada para outubro de 2021, mas foi reprogramada por “diversas circunstâncias”, e agora estreia em 8 de abril. A direção é de Jun Nakagawa (Date A Bullet), com roteiro de Fumihiko Shimo (Talentless Nana). O estúdio responsável é o Geek Toys.


Fanfare of Adolescence

Gunjou no Fanfare

Original da Aniplex, com produção pelo estúdio Lay-duce e direção por Makoto Kato, Fanfare of Adolescence traz um jovem de 15 anos em uma academia de corrida de cavalos, tentando se tornar um jóquei. O curioso é: antes disso, ele era parte de um grupo de idols.


KAGUYA-SAMA

A comédia romântica Kaguya-sama: Love is War (Kaguya-sama wa Kokurasetai: Tensai-tachi no Renai Zunousen) conta a história de Kaguya Shinomiya e Miyuki Shirogane, dois jovens apaixonados, mas que não conseguem confessar seu amor um pelo outro. Eles estudam na Academia Shuchiin, são considerados alunos modelos, líderes do conselho estudantil, mutuamente atraídos há tempos.

No entanto, com seis meses passados, nadinha aconteceu, pois ambos são orgulhosos demais para admitirem que estão parados na do senpai. E como esse orgulho só piorou com o tempo, eles agora travam uma briga psicológica para ver quem é que faz o crush se declarar primeiro. Pois o amor… É uma guerra!

A nova temporada estreia no dia 9 de abril, e deve vir pela Crunchyroll, substituindo a Funimation. A equipe e o elenco principais estão de volta para a nova temporada, intitulada “Ultra Romantic”, no estúdio A-1 Pictures.

O mangá de Aka Akasaka é seriado desde 2015 na revista semana Young Jump, da editora Shueisha. A Panini começou a publicar a obra no Brasil em fevereiro de 2021 – temos uma resenha do 1º volume aqui. A série tem 16 milhões de cópias em circulação.

Kunoichi Tsubaki

A trama traz Tsubaki Kunoichi, uma jovem que vive em uma vila onde as mulheres não podem ter contato com homens e é a melhor aluna da escola (“ninja”) que frequenta. Mas ela tem certa curiosidade sobre rapazes, sem poder revelar a ninguém.

A animação adapta o mangá seriado desde 2018 na Shonen Sunday, da editora Shogakukan, com 6 volumes compilados até o momento, e é inédita por aqui. A estreia ocorre em 9 de abril.

Yamamoto tem um outro mangá com animê em produção, Soredemo Ayumu wa Yosetekuru(Ayumu Chegará mais Perto, Não Importa Como em tradução livre), previsto para 2022, além do filme de Takagi-san.


Love All Play

Com estreia em 2 de abril, a animação está por conta dos estúdios Nippon Animation e OLM, com direção de Hiroshi Takeuchi (Zunda Horizon) e roteiro por Tomoko Konparu (Nodame Cantabile), Miharu Hirami (Kodocha), Shingo Irie (O Basquete de Kuroko) e Michiko Yokote (Shirobako). A série adapta a novel de Asami Koseki.

Os livros foram publicados de 2011 a 2014 pela Poplar Publishing, reunindo 4 volumes. A trama acompanha Ryo Mizushima ao entrar para clube de badminton da escola de Ensino Médio Yokohama-Minato, treinado pelo lendário Ebihara. No Fundamental, Mizushima também jogava, mas o clube não tinha técnico. Mesmo assim, ele conseguiu chegar ao campeonato regional.


MADOKA: MAGIA RECORD

A animação é baseada no jogo Magia Record (ou MagiReco), se passando na cidade de Kamihama, onde garotas mágicas lutam contra bruxas. Iroha Tamaki se une a essas garotas ao chegar na cidade, enquanto procura por sua irmã, Ui. As personagens da série original fazem algumas aparições na segunda temporada.

Essa última fase estreia toda de uma vez só em 3 de abril.

A primeira temporada saiu em 2020, com 13 episódios, sendo dirigida por Gekidan Inu Curry. O desenho de personagens ficou por conta de Junichirou Taniguchi, que trabalhou na série original. A produção foi do estúdio SHAFT e da Magia Quartet (“marca” responsável por todos os produtos da franquia), sem presença do roteirista original Gen Urobuchi. Temos uma resenha do primeiro episódio disponível aqui.

A segunda temporada veio só em 2021, com mais 8 episódios e a presença das personagens da série original, o que acabou dando um pouco mais de destaque entre os fãs. A série está disponível na Crunchyroll e na Funimation.

Mahjong Soul Pon

Jong-Tama Pong

Adaptação em animê do jogo Mahjong Soul (Jong-Tama, MajSoul) da desenvolvedora chinesa Cat Food Studio, com estreia em 1 de abril.

A produção é do estúdio Scooter Films (Introduction de BanG Dream! Poppin’Party×Ayase), com direção de Kenshiro Morii (BanG Dream! Girls Band Party! Pico, Grand Blues!).

O jogo é, como indica o nome, um game de mahjong, mas com personagens em “estilo animê”, interpretados por atores japoneses, efeitos especiais e itens. O game está disponível para Android e iOS. Mahjong é um jogo de tabuleiro inventado na China, geralmente jogado por 4 pessoas.

Ele consiste em 144 peças baseadas em ideogramas e símbolos chineses (há variantes em outras regiões), com cada jogador começando com 13 delas. A cada turno, os jogadores descartam peças até completarem uma “mão” com 14 peças, formando quatro combinações (set) e um par (olho).

A Yostar, publicadora internacional, é subsidiária da empresa Xangai Yōuxīng (de 上海悠星網絡科技有限公司), de Xangai, como indica o nome. Recentemente, ela anunciou também a adaptação de Arknights em animê.

Science Fell in Love, So I Tried to Prove it

Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei Shite Mita

A animação adapta o mangá de Alifred Yamamoto, seriado na plataforma digital Comic Meteor da G-Mode, desde 2016, com 10 volumes compilados até o momento.

A tramas se passa na Universidade de Saitama, trazendo os pesquisadores Shinya Yukimura e Ayame Himuro, dois cientistas de dados (analisam diversos dados com algum objetivo).

Quando Ayame diz a Shinya que se apaixonou por ele, os dois concordam em abordar a questão com “experimentos científicos”, incluindo medir seus batimentos cardíacos em diversos contextos. Seus colegas de laboratório também entram na brincadeira.

A produção é do estúdio Zero-G, com direção de Toru Kitahata (Hinako Note). O roteiro é supervisionado por Rintarou Ikeda (Magical Senpai), mas conta ainda com Michiko Yokote (Shirobako). A primeira temporada está disponível na Crunchyroll. A nova fase estreia em 1º de abril.


Trapped in a Dating Sim

Otomege Sekai wa Mobu ni Kibishii Sekai Desu

A animação adapta a série de novels de Yomu Mishima, publicada independentemente de 2017 a 2019, com versão compilada pela editora Micro Magazine, com 9 volumes desde 2018 até o momento.

Kazuya Miura e Shin’ichi Fukumoto dirigem o animê no estúdio ENGI, com a estreia prevista para 3 de abril. O nome é meio auto-explicativo: o protagonista, Leon, um dia é transportado para um otome game (jogo voltado para mulheres), o qual ele foi obrigado a jogar pela sua irmã.

Ele vai parar justamente no reino de Holfort, dominado por mulheres, e um lugar muito difícil para alguém como ele. Assim, ele tenta levar uma vida relativamente normal se virando com seus conhecimentos prévios do game.


Fonte: Crunchyroll


Anteriormente, o streaming já havia confirmado, além de SPY X FAMILY e Shield Hero (T2),:

Confira também séries vindas ou que devem vir da Funimation:

Outras estreias:

  • Galactic Heroes (T3);
Publicidade
close