imagem: ilustração dos personagens de Beyblade Metal Fusion

‘Beyblade Metal Fusion’ chega ao Looke

Primeiro animê pós-Tyson estreia com apenas 26 episódios na plataforma de streaming.

O Looke adicionou hoje (11) em seu catálogo a primeira temporada de Beyblade Metal Fusion. Os primeiros 26 episódios (são 51 nessa temporada) estão disponíveis com dublagem para os assinantes.

Imagem: tela mobile da página de Beyblade Metal Fusion no Looke
Página de Beyblade Metal Fusion no Looke — clique na imagem para acessar. | Rperodução/Looke

Além de poder acessar diretamente na plataforma, o animê pode ser visto através do Prime Channel da Looke, disponível na Prime Video – por um custo adicional à assinatura do streaming da Amazon.

Beyblade Metal Fusion (Metal Fight Beyblade, no original) é o primeiro animê produzido depois da “era Tyson”, renovando os personagens da franquia de piões da Takara Tomy/Hasbro. Ela acompanhou um mangá de mesmo nome, escrito por Takafumi Adachi entre 2008 e 2012, e somou um total de 188 episódios produzidos pela Tatsunoko e SynergySP, divididos em 4 temporadas: Metal Fusion, Metal Masters, Metal Fury e Shogun Steel. A canadense Nelvana fez a localização em inglês, repetindo o trabalho feito com a série original.

A série foi exibida no Brasil pelo recém-extinto canal Disney XD, além de ter tido uma passagem pela Netflix.

Agradecemos ao leitor Tales Cabral pela dica.


Fonte: Looke


Personagens de Beyblade em pose de batalha
Beyblade | Imagem: Divulgação

Beyblade começou como uma linha de brinquedos criada pela Takara Tomy e lançada em 1999. Em 2001, o estúdio Madhouse produziu a primeira animação da franquia, baseada no mangá de Takao Aoki. Essa trama traz a equipe dos Bladebreakers (BBA Team, no original), um grupo de jogadores de Beyblade, esporte em alta no universo da franquia que é um tanto parecido com jogo de pião.

Acompanhamos então Tyson Granger (Takao Kinomiya), Kai Hiwatari, Max Tate (Max Mizuhara), Ray Kon (Rei Kon) e Kenny (Manabu Saien) tentando vencer os campeonatos esportivos, mirando no topo.

No Brasil, Beyblade chegou em 2002 via Fox Kids e no ano seguinte pela Globo. O animê também esteve por um tempo disponível na Netflix e atualmente está disponível em seu canal oficial no YouTube e pela Pluto TV. A história ganhou continuidade nas séries V-Force (2002) e G-Revolution (2003), inspirando ainda o filme Fierce Battle (2002).

A franquia ainda inspirou diversas outras produções, com novos personagens. Entre 2009 e 2012, foram exibidas no Japão as animações referentes à Metal SagaMetal Fusion, Metal Masters, Metal Fury e Shogun Steel, respectivamente, além do filme Metal Fight Beyblade vs the Sun (2010). De 2012 a 2015, veio a série spin-off BeyWarriors, com BeyWheelz, BeyWarriors: BeyRaiderz e BeyWarriors: Cyborg.

Desde 2016, a série Burst é produzida, já com 6 temporadas: Burst, Burst Evolution, Burst Turbo, Burst Rise, Burst Surge e Burst QuadDrive – esta última está atualmente no ar nas TVs japonesas

Publicidade
close