Imagem: Naoki Yoshida em cosplay de Final Fantasy 14.

Naoki Yoshida, produtor de ‘FF XIV’, não vê o Metaverso como entretenimento

Para diretor e produtor de ‘Final Fantasy XIV’, o Metaverso não tem nada a ver com MMORPGs.

Em uma entrevista à revista Bunshun, o diretor e produtor de Final Fantasy XIV (“Final Fantasy 14”), Naoki Yoshida, comentou o sucesso do game. Respondendo a comparações entre o MMORPG e o Metaverso, Yoshida disse que não vê os dois como parecidos. Não só isso: ele não vê o Metaverso como uma forma de entretenimento em si.

A definição de Metaverso é um pouco complicada, para dizer o mínimo. Mas, geralmente, o termo se refere a um mundo virtual no qual os usuários interagem com outros utilizando avatares. A ideia se tornou um assunto quente, principalmente com a investida da Meta (ex-Facebook) neste conceito. O presidente da Square Enix, Yosuke Matsuda, mostrou-se interessado na ideia.

Muitos começaram a comparar o conceito de Metaverso com outros tipos de ecossistemas virtuais, como os RPG massivos multijogador online. Mas, para Yoshida, são coisas diferentes: “Vejo o Metaverso como um ‘sistema que substitui a realidade com um mundo virtual’. Então não acho que o Metaverso tem relação com o entretenimento” (tradução nossa).

Ele ainda acrescentou “Na forma como vejo, no Metaverso as pessoas poderiam utilizar um avatar numa realidade virtual e passear em Shinjuku [em Tóquio] e fazer compras, como na vida real. Pode ser divertido, mas não tem entretenimento aí. ‘Um sistema que funciona como a nossa realidade é tão interessante?’, é o sentimento que tenho” (tradução nossa). Yoshida ainda disse preferir fazer algo divertido com a realidade virtual que o Metaverso propriamente dito.

Já a Square parece estar realmente interessada no conceito, após vender 3 subsidiárias americanas para, entre outras coisas, investir nele.

Final Fantasy XIV Online saiu em 2010, apenas para computadores, mas teve uma recepção tão negativa que a Square Enix resolveu refazer o jogo. Assim nasceu o atual sucesso Final Fantasy XIV: A Realm Reborn, lançado em agosto de 2013 para PlayStation 3 e PC – a versão para PS4 chegou em abril de 2014.

O jogo já conta com várias expansões e segue fazendo bastante sucesso entre fãs da série e de MMORPGs mesmo com os custos de compra e mensalidade envolvidos. Na versão gratuita, atualmente com novos cadastros suspensos, o jogadores podem aproveitar até o nível 60 sem pagar nada.


Fonte: Siliconera

Publicidade
close