Imagem: O Mirrorman, herói da Tsuburaya.

Mirrorman: 1º episódio está disponível no canal da Tsuburaya no YouTube

Mirror Spark! Reprise celebra os 50 anos do clássico da Tsuburaya e mais o lançamento do mangá ‘Mirrorman 2D’.

O canal da Tsuburaya no YouTube começou a semana com uma grata surpresa para os fãs de heróis gigantes do gênero tokusatsu. A série Mirrorman estreou na manhã desta segunda (7), para celebrar seus 50 anos. E não é só isso. A Tsuburaya aproveitou também para anunciar o lançamento do mangá Mirrorman 2D.

Assista ao episódio:

Episódio 1 – The Birth of Mirrorman (Miraaman Tanjo)

Exibido no Japão em: 5 de dezembro de 1971
Dirigido por: Ishiro Honda e Koichi Takano
Escrito por: Bunzo Wakatsukai

 

A série se passa em algum ponto da década de 1980, num futuro onde a Terra se torna alvo dos alienígenas chamados simplesmente como Invaders (assim mesmo em inglês). A organização SGM (Science Guard Members) investiga casos misteriosos que envolvem aparições de monstros gigantes. Professor Mitarai, líder da SGM, revela um segredo importante para seu filho adotivo Kyotaro Kagami, que é filho de uma mãe terráquea e de um pai alienígena (ambos capturados pelos Invaders). Kagami (sobrenome que significa “espelho” em japonês) descobre que é filho de Mirrorman, um herói da segunda dimensão. Ambos se unem em simbiose quando Kyotaro ergue um pingente de espelho e invoca o poder Mirror Spark.

Imagem: Noboyuki Ishida e o Mirrorman.
O saudoso astro Noboyuki Ishida cumprimentando Mirrorman | Foto: Divulgação/Tsuburaya

Contemporâneos dos clássicos Spectreman, Kamen Rider e O Regresso de Ultraman, Mirrorman era exibido nas noites de domingo pela Fuji TV, entre 5 de dezembro de 1971 e 26 de novembro de 1972. Totalizou 51 episódios, sendo os dois primeiros dirigidos pelo lendário Ishiro Honda (o mesmo de Godzilla e vários outros filmes kaiju da Toho Company). Curiosamente, Mirrorman deu lugar ao animê Mazinger Z (atualmente disponível na Netflix), adaptação do mangá original de Go Nagai, na faixa dominical das 19h da emissora japonesa.

Mirrorman foi o primeiro super-herói da Tsuburaya fora das séries Ultra, porém adotando conceitos similares ao Ultraman. Assim como Ultra Seven, Mirrorman era uma série de ficção-científica carregada de enredos dramáticos e sombrios. Mas isso mudou a partir do episódio 26, quando a série passou a ter um tom mais leve, algo que já estava sendo exigido para as séries tokusatsu da época. O astro principal foi Noboyuki Ishida, falecido em 13 de junho de 2019, vítima de câncer colorretal.

Seguindo o formato de Ultra Fight, Mirrorman ainda teve um spin-off em 1974 chamado Mirror Fight, com 65 episódios de curta duração e produção de baixo custo. Em 2005, a Tsuburaya lançou a série Mirrorman REFLEX direto-para-vídeo, sem conexão com a série clássica e resgatando o lado sombrio da primeira metade da série.

Em julho de 2018, Mirrorman estreou nos EUA pelo canal pago Toku e mais tarde foi adicionado na plataforma de streaming da emissora.

Vale destacar também que Mirrorman serviu de inspiração para a concepção do herói Mirror Knight, integrante do grupo Ultimate Force Zero, ao lado de Ultraman Zero, Glenfire, Jean-Bot e Jean-Nine.

Os episódios de Mirrorman serão lançados semanalmente às segundas-feiras, a partir das 6h da manhã (horário do Brasília), com legendas em inglês – tradução automática para português nas configurações do YouTube. Cada episódio ficará disponível por duas semanas.


Reboot!

Primeira imagem promocional do mangá Mirrorman 2D | Foto: Divulgação/Tsuburaya

Na ocasião da volta de Mirrorman, a Tsuburaya anunciou o mangá Mirrorman 2D, escrito por Masato Hisa (designer de personagens de Kyuranger, Lupinranger VS Patranger e Ryusoulger) e previsão de lançamento para 30 de julho.

A trama será um reboot da série clássica e vai se passar em 2021, quando dois homens enfrentam um Invader que pretende invadir o mundo tridimensional. O alvo dos alienígenas é a cidade de Yokohama.


Ultra Channel

Confira a programação do canal da Tsuburaya (pelo horário de Brasília):

Segundas

  • 6h – Mirrorman (1971~72)*

Terças

  • 6h – Ultraman Cosmos (2001~02)*

Quartas

  • 6h – Ultra Channel Selection (seleção de episódios das séries Ultra)*

Quintas

  • 6h – Ultraman Cosmos (2001~02)*

Sextas

  • 6h30 – Gridman The Hyper Agent (1993~94)*
  • 21h30 – Ultraman Chronicle Z: Heroes’ Odyssey (2021)*

Sábados

  • 22h – Ultraman Z (Zett, 2020)
*Episódios disponíveis por duas semanas.

Fonte: Tsuburaya (1) e (2)


Ultraman

Ultraman foi criado em 1966 pela equipe de Eiji Tsuburaya, um dos nomes mais importantes do cinema de efeitos especiais no Japão. A série rendeu 39 episódios e seu sucesso ajudou não só a ditar o estilo dos programas de heróis orientais, mas a também criar uma das franquias mais longevas e rentáveis do gênero.

Na história da série original, Ultraman é um ser vindo da Nebulosa M78, que acaba chegando à Terra enquanto estava à caça de um monstro. Durante sua missão, ele acaba sem querer tirando a vida de Hayata, um membro da Patrulha Científica (ou SIA), que combate ameaças alienígenas. Pra remediar a situação, Ultraman revive Hayata como seu hospedeiro, passando a defender nosso planeta enfrentando monstros que causam destruição.

Ultraman foi exibido no Brasil entre o fim dos anos 1960 e meados dos anos 1980 pela TV BandeirantesTV Tupi, TV Record e TVS/SBT, retornando com uma nova dublagem nos anos 1990 pela Rede Manchete, reprisada na CNT e Cine House. Essa versão redublada, distribuída pela Sato Company, chegou a ser lançada também em uma coleção de fitas VHS. Outras exibições posteriores e lançamentos em DVD levantaram suspeitas de ilegalidade.

Após Ultraman, seguiu-se uma franquia de séries que dura até hoje (com algumas pausas). Pela televisão, o Brasil acompanhou Ultra SevenO Regresso de Ultraman Ultraman Tiga. Via streaming, a Netflix chegou a exibir Ultraseven X, enquanto a Crunchyroll exibiu Ultraman MaxUltraman LeoUltraman 80 e Ultraman Mebius, e ainda exibe Ultraman XUltraman Orb Ultraman Geed. Além das séries, vários filmes foram lançados no mercado de home-video e serviços on-demand.

Publicidade
close