Capa de abertura da matéria com Legoshi e o colega cachorro (mangá de Beastars).

Beastars: Será? Mangá pode estar chegando ao fim

A edição mais recente da Shonen Champion informou que ‘Beastars’ se aproxima do clímax.

A edição mais recente da Shonen Champion (da editora Akita Shoten) informou que Beastars está “na boca do clímax”. Esse termo geralmente é utilizado para o clímax final da história, mas há séries que passam anos “chegando ao clímax”. No caso do mangá, a autora, Paru Itagaki, já deixou uma mensagem indicando o final possivelmente próximo em janeiro.

Ano passado, a série ganhou uma adaptação em animê pelo estúdio Orange (Land of the Lustrous), disponibilizada pela Netflix no Brasil no começo de 2020, sob o nome Beastars – O Lobo Bom (temos uma crítica aqui). A primeira temporada foi exibida no Japão primeiramente na Fuji TV pelo bloco +Ultra, uma sessão de animês atualmente parceira da Netflix – todas as séries exibidas lá vão para o streaming mundialmente. A segunda temporada está confirmada para estrear em janeiro.


Fonte: ANN


Beastars é um mangá publicado por Paru Itagaki desde 2016 na Shonen Champion (da editora Akita Shoten), com 19 volumes compilados até o momento. Em dezembro de 2017 ficou em segundo lugar na lista de público alvo masculino do guia de mangá Kono Manga ga Sugoi! (Este mangá é incrível! em tradução literal), logo atrás de The Promised Neverland. Foi o primeiro mangá da editora Akita Shoten a receber um prêmio do Manga Taishou, além de receber os prêmios de Novo Criador do Tezuka Osamu Cultural Prizes, Melhor Mangá no Kodansha Manga Awards e prêmio de Nova Face do Japan Media Arts Festival Awards em 2018.

A história de Beastars mostra um mundo antropomórfico, onde os carnívoros e herbívoros vivem em paz e tranquilidade. O personagem principal é Legoshi, um lobo que está acostumado com o medo e antipatia que todos sentem à sua volta, apesar de ter um coração bondoso e fazer parte do clube de teatro da escola Cherryton. Mas em um momento Legoshi se envolve mais com seus colegas de classe e descobre suas inseguranças e segredos, mudando o caminho da sua vida escolar.

No Brasil, o mangá é publicado pela Panini. Em 2019, a série ganhou uma adaptação animada, com lançamento mundial pela Netflix em 2020, após exibição nas TVs japonesas, confira nossa crítica. A segunda temporada está em produção, já confirmada pela plataforma de streaming para 2021.

Publicidade
close