Yoichi Takahashi, autor de ‘Captain Tsubasa’, faz breve comentário sobre morte de Maradona

Takahashi, nascido no mesmo ano que Maradona, acompanhava o ídolo desde 1979 e disse estar “extremamente triste” com a notícia.

Yoichi Takahashi, autor de Captain Tsubasa (ou Supercampeões), uma das mais famosas séries de futebol do mundo, fez um breve comentário em entrevista ao Asahi Shimbum sobre a morte de Diego Maradona na última quarta-feira (25).

O mangaká, que acompanhava o ídolo argentino desde a Copa do Mundo Sub-20, realizada no Japão em 1979, disse estar “extremamente triste e chocado com esta notícia repentina, até por termos a mesma idade” [ambos nasceram em 1960]. Takahashi também escreveu diversos outros mangás de futebol, como Hungry Heart Wild Striker e Pride – O Supercampeão.

Um personagem de Captain Tsubasa é comparado ao Maradona dentro da história, sendo chamado por muitos de “Maradona II”. O argentino Juan Díaz é inspirado no jogador Ramon Ángel Díaz, mas seu design claramente foi baseado em Maradona.

Diego Armando Maradona foi um dos maiores ícones do futebol, figura importantíssima na conquista da Copa de 1986 pela Argentina. Durante o jogo das quartas-de-final, contra a Inglaterra, ele marcou um gol posteriormente eleito o “Gol do Século”, ou, “o gol mais bonito da História das Copas do Mundo”. Nesse mesmo jogo, ele já havia feito o famoso gol da “Mano de Diós” (“a mão de Deus”), marcado com ajuda de “um tapinha” na bola por cima do goleiro inglês.

Questionado após a partida pelo “gol de mão”, Maradona cunhou a frase “Lo marqué un poco con la cabeza y un poco con la mano de Dios” (“marquei com um pouco da cabeça e um pouco da mão de Deus”). O ídolo morreu devido a insuficiência cardíaca, seguida de edema agudo pulmonar. Sua morte foi considerada um dia triste para o futebol mundial.


Fonte: Asahi

Publicidade
close