Imagem: Vivi e Luffy por Naoshi Komi.

One Piece: Autor de ‘Nisekoi’ fará capítulo especial

Projeto de ‘One Piece’ traz a série pelas mãos de outros mangakás!

A próxima edição da Shonen Jump que sairá na próxima segunda (30) trará um capítulo especial de One Piece. Intitulado Vivi no Bouken (A Aventura de Vivi, em tradução livre), o capítulo especial terá autoria de Naoshi Komi, mangaká de Nisekoi.

O capítulo terá 48 páginas e algumas serão coloridas. A trama se passará durante o Arco de Alabasta, com direito a “uma cena icônica”. Uma ilustração também foi divulgada:

Imagem: Vivi e Luffy por Naoshi Komi.
Reprodução: Shueisha

O capítulo faz parte do projeto One Piece Cover Comic, no qual diversos mangakás trazem suas versões do mundo criado por Eiichiro Oda. Além da história da Vivi, as duas próximas edições contarão com capítulos especiais.

O seguinte será mais um capítulo de Shokugeki no Sanji (escrito pelos mesmos autores de Food Wars!), seguido por One Piece Gakuen (Escola One Piece, em tradução livre), com autoria de Sohei Koji.

No Brasil, Nisekoi teve seus 25 volumes publicados pela editora Panini, que também publica os mangás de One Piece e Food Wars! atualmente.

Nota: O JBox faz parte do programa de afiliados da Amazon e pode ganhar um valor em cima das compras realizadas a partir dos links do site.


Fonte: Otaku USA Magazine


One Piece é uma obra de autoria de Eiichiro Oda. O mangá original começou a ser publicado na revista Shonen Jump em julho de 1997 e tornou-se um fenômeno mundial. Na história, acompanhamos as aventuras do pirata Monkey D. Luffy e de sua tripulação, os Chapéus de Palha, que navegam o mundo à procura do “One Piece”, o tesouro perdido do antigo Rei dos Piratas, Gol D. Roger, enquanto enfrentam diversos piratas e o Governo Mundial.

No Brasil, o mangá foi publicado pela primeira vez no formato “meio-tanko” pela Conrad Editora, que interrompeu a publicação na 70° edição (correspondente à 2ª parte do volume 35 no original japonês). Em 2012, a série foi relançada pela Editora Panini, seguindo o formato original japonês, e conta atualmente com 95 volumes encadernados lançados (no Japão são 96 atualmente). A versão em animê é produzida pelo estúdio Toei Animation (Dragon Ball Z) e exibida oficialmente via streaming pela Crunchyroll, com legendas em português, e na Netflix, com opção dublada.

Publicidade
close