Games: Presidente da Nintendo Fala do Mercado Brasileiro

Durante o evento NEX 2008 (Nintendo Experience 2008) que rolou no Panamá (@[email protected]) nessa semana, o presidente da Nintendo of America, Reggie Fils-Aime, declarou em entrevista ao enviado do portal de games da UOL, impressões sobre o mercado brasileiro – sempre ignorando pelas gigantes dos vídeo-games. Para a Nintendo, a culpa disso não podia ser de ninguém além do nosso governo. Pra vocês terem idéia, o cara falou que a carga tributária que pode se incidir sob o preços do consoles ultrapassa os 250% (!!!). Por essa razão, o Wii que sai por 249 doláres nos Eua, é comercializado por aqui por mais uns 1200 mangos!

Fils-Aime disse também que há tentativas de pleitear uma redução dessa carga junto ao governo, mas como todos sabemos, no Brasil isso não é um assunto que os políticos enxerguem com tanta importância quanto contratação de dezenas assessores, reforminhas milionárias, aumentos para si próprios… Será que nenhum político enxerga que reduzindo essas alíquotas extratosféricas, o povo vai parar de comprar seus consoles e jogos de forma ilegal? Tudo bem que vídeo-game não é um produto de vital importância para economia do país, mas que isso reduziria a pirataria e o contrabando, não temos dúvida.

Publicidade
close