Imagem: Goku criança.

“Dragon Ball” e “Dragon Ball Z” disponíveis sem cortes no NOW

Pouca coisa, mas tem.

Fazendo o nosso momento utilidade pública aqui: você sabia que há episódios de Dragon Ball e Dragon Ball Z no catálogo do NOW (serviço on demand da NET/Claro)? Pois bem, estão disponíveis 30 episódios de cada série no momento, todos em HD com o áudio dublado em português, para aluguel individual.

Uma atenção especial aos episódios da primeira série Dragon Ball. Caso você não saiba, aqui no Brasil nós recebemos a versão editada no México, que cortou várias cenas que envolviam nudez (o pequeno Goku pelado, no caso) ou insinuações sexuais (a maioria vindas, claro, do Mestre Kame). A versão do NOW traz os episódios como no original japonês, sem cortes. Para resolver a questão das cenas que não receberam dublagem, a solução escolhida foi a de legendá-las mesmo. Também há vinhetas de intervalo e preview do próximo episódio – esse sem legendas.

Exemplo de cena cortada da versão dublada que recebeu legendas.

Se você se pergunta qual dublagem é essa, obviamente se trata da versão da Álamo, exibida pela Globo e Cartoon Network no passado. Cada episódio de Dragon Ball e Dragon Ball Z pode ser alugado por R$ 2,90. Observação: por algum motivo o 1º episódio, no momento dessa nota, não aprece na versão web, aparecendo só no acesso pela TV.

Além dos episódios, dois filmes de Dragon Ball Z do ano de 1991 (o 4º e o 5º da série) também estão disponíveis: Goku, o Super Sayajin e Uma Vingança Para Freeza. Ambos custam R$ 6,90 cada.


Dragon Ball surgiu como mangá em 1984, sendo uma criação de Akira Toriyama, que anteriormente já tinha emplacado no Japão o sucesso Dr. Slump. Adaptando livremente o conto chinês Jornada ao Oeste, começa contando a história do pequeno Goku, um garoto com uma força extraordinária e um rabo de macaco, que viveu até então isolado da humanidade. Sua vida muda quando uma jovem aventureira chamada Bulma o conhece, procurando por uma das lendárias Esferas do Dragão. Juntos eles entram numa jornada atrás das 7 esferas existentes, que reunidas podem conceder qualquer desejo.

Os quadrinhos viraram uma série animada em 1986, pela Toei Animation. Após 153 episódios, continuou com o título Dragon Ball Z, a partir de 1989. Com os personagens mais velhos, em Dragon Ball Z o foco se consolida na ação, com Goku e outros lutadores enfrentando grandes ameaças contra a Terra.

O mangá original foi publicado no Brasil a partir de 2000, pela Conrad Editora e posteriormente foi republicado pela Panini. O anime Dragon Ball estreou no Brasil em 1996, pelo SBT, que exibiu 60 episódios dublados pela Gota Mágica. Em 2002, a série teve todos os episódios exibidos pela Rede Globo, com uma redublagem pela Álamo, finalizada pela DPN. Uma outra reprise, dessa vez com todos os episódios dublados na Álamo, aconteceu posteriormente no Cartoon Network e Tooncast.

Dragon Ball Z estreou no Brasil pelo Cartoon Network e Bandeirantes em 1999, sendo exibido também pela Rede Globo. Atualmente está em exibição pela Rede Brasil de segunda a quinta, às 22h30, logo após o Senpai TV.

Publicidade
close