Imagem: Ness, de 'Earthbound', em bicicleta na rua.

EarthBound: Em projeto especial, série ganhará mangá intitulado ‘Pollyanna’

Inio Asano (Boa Noite Punpun) é um dos envolvidos no quadrinho, junto com mais 34 pessoas.

A Hobonichi (Hobo Nikkan Itoi Shinbum) anunciou na última terça-feira (19) um projeto da franquia Earthbound (MOTHER), para criar diversos produtos da série. A “primeira parte” é um mangá criado por 35 mangakás, intitulado Pollyanna – o nome de uma das mais icônicas músicas do jogo, que inclusive contém uma versão oficial com letra em inglês, cantada por Catherine Warwick.

Entre os mangakás estão Inio Asano (Boa Noite Punpun) e Keiichi Arawi (Nichijou). A obra começará a ser vendida na loja da Hobonichi no dia 12 de junho e, nas lojas em geral, no dia 25. O preço é de 2.640 ienes (em torno de 138 reais). Um vídeo anunciando o encadernado foi divulgado:

 

EarthBound Beginnings (MOTHER) foi lançado em 1989 para o Famicon, contando as aventuras de Ninten, Ana e Lloyd, mas foi localizado oficialmente para o público ocidental apenas em 2015, por meio do Virtual Console. EarthBound (MOTHER 2) saiu em 1994 para Super Famicon e Super Nintendo, com Ness, Paula, Jeff e Poo protagonizando o jogo – mesmo com poucas cópias disponíveis, o título posteriormente virou um “clássico cult”, provavelmente impulsionado pela presença de Ness nos jogos da franquia Super Smash Bros. (a série teria um jogo para Nintendo 64, então provavelmente o modelo já pronto do personagem foi reaproveitado, mesmo com o cancelamento do game).

Um terceiro título, MOTHER 3, contando com Lucas, Kumatora, Finn e Duster, foi lançado para GameBoy Advance (GBA) em 2006, mas até o momento apenas em japonês. Há também uma versão dos dois primeiros jogos para GBA, chamada MOTHER 1+2. A franquia serviu de inspiração para outros jogos, como UnderTale e Yume Nikki.

A Hobonichi é uma empresa focada em artigos cotidianos, como cadernos e haramaki (peça de roupa utilizada na barriga), fundada em 1998 por Shigesato Itoi, o criador da franquia. O já falecido Satoru Iwata foi o gerente de TI da empresa desde sua fundação até, pelo menos, 2007 (quando já era CEO da Nintendo).


Fonte: Hobonichi

Publicidade
close