Por onde andam os ‘Cavaleiros de Mon Colle’? Profissional busca paradeiro de fitas da versão da Saban

Edição americana da série do início dos anos 2000 estaria “perdida” com a Disney, travando relançamento.

No dia de ontem (9), a Crunchyroll adicionou em seu acervo os 51 episódios de Os Cavaleiros de Mon Colle, em sua versão original com legendas em inglês. Mas, assim como é de praxe da licenciadora Discotek, empresa especializada em lançar “velharias” e que também está por trás da plataforma RetroCrush, o título infelizmente está disponível apenas em território norte-americano.

Só que um comentário curioso surgiu na tarde desta quarta-feira (10) na conta do Twitter de Justin Sevakis, responsável pela autoração/pós-processamento de boa parte dos títulos da Discotek (e que também autorou o Blu-ray de Time of Eve, que inclusive contou com legendas em português).

Ele tuitou pedindo uma ajuda: se por acaso alguém tivesse acesso às masters de transmissão do animê (as fitas usadas pelos canais de transmissão e não as gravações feitas em casa), era para entrar em contato com ele, pois apesar de possuírem a licença para a série, eles não conseguiram encontrar o material clássico da versão com dublagem americana.

Reprodução/Twitter

A versão produzida pela Saban, que inclusive foi usada como base para a que passou aqui no Brasil, foi exibida no bloco Fox Kids norte-americano no ano de 2001. Mais tarde, tanto a Saban quanto a Fox Kids acabaram sendo absorvidas pela Disney, que inclusive chegou a reexibir a série no bloco “Jetix” do canal Toon Disney em 2006, então acredita-se que o material esteja em algum lugar do gigantesco conglomerado do Mickey. Mas uma vez que a Disney dificilmente se daria ao trabalho de ajudar uma empresa pequena como a Discotek para encontrar e ceder o material antigo, torna-se praticamente impossível a recuperação dos originais através dela.

Anteriormente, numa pegada similar com outro clássico da Saban, a própria Discotek havia lançado nos EUA o DVD de Samurai Pizza Cats, disponibilizando um box com a versão legendada e um segundo box com a versão dublada em inglês, que mais tarde recebeu também uma versão em SD-BD (onde os episódios em resolução padrão são gravados num disco de Blu-ray), provavelmente sinalizando a boa recepção da licença. Mas desta vez houve o “pequeno” imprevisto de que não conseguiram encontrar a versão dublada deste outro clássico da época da Fox Kids.

Na thread de Justin, foi citada a possibilidade de se utilizar apenas o áudio dublado sobre a versão original do qual possuem em mãos, assim como aconteceu com vários lançamentos clássicos aqui no Brasil. Mas essa ideia foi descartada, porque cada episódio passou por inúmeras micro-edições que fariam com que tivessem que reeditar completamente todos os episódios, tornando o projeto financeiramente inviável. Fora que a versão da Saban era concluída em 46 episódios ao invés de 51.

Ao perguntarem sobre usar material gravado por fãs, Justin respondeu que, apesar de já terem de fato feito alguns serviços “duvidosos” (por exemplo, tiveram que recorrer a inúmeras fontes para incluir diversas versões diferentes dos áudios para os Blu-ray de O Castelo de Cagliostro e de Street Fighter II – The Animated Movie), ele cita que usar uma cópia pirata de algo gravado da TV é algo que que está além do aceitável para “qualquer um” – apesar de a gente já ter visto vários casos deste no nosso homevideo tupiniquim (¯\_(ツ)_/¯).

De qualquer forma, se algum pai do animê de Mon Colle estiver lendo, tiver acesso às fitas usadas nas transmissões e quiser dar uma mão no lançamento norte-americano, fica o toque.


Fonte: @worldofcrap


Os Cavaleiros de Mon Colle (Rokumon Tengai Mon Colle Kinght) é originalmente um mangá, escrito por Satoru Akahori e Katsumi Hasegawa. Foi publicado no Japão entre 1999 e 2001 pela revista Dragon Jr., totalizando 4 volumes encadernados.

Em 2000 foi adaptado para uma série animada pelo Studio Deen, contando a história de uma dupla de crianças, Rockna e Mondo, que juntamente com um professor maluco chamado Hiragi, descobrem a passagem para o mundo de Mon, um lugar repleto de criaturas mágicas, onde existem certos objetos que, quando reunidos, são capazes de fornecer o controle sobre aquele e o nosso mundo também. Enquanto o professor busca uma forma de trazer os monstros para ajudar no desenvolvimento da humanidade, vilões no mundo de Mon estão atrás dos objetos que lhe darão grande poder. Ganhando poderes mágicos, Mondo e Rockna passam então a lutar para defender o mundo de Mon, tornando-se os Cavaleiros de Mon Colle.

Editada pela Saban no Ocidente, a série foi exibida aqui no Brasil pela Fox Kids, sendo reprisada a exaustão no horário noturno. Estava cotada para ser exibida também pela Rede Globo, mas não há registros de nenhuma transmissão na TV aberta.

Publicidade
close