Imagem: Personagens de 'Persona 5 Scramble' em pôster promocional.

Persona 5 Scramble: Relatório da Koei Tecmo indica lançamento ocidental do jogo

Ano passado, a SEGA registrou o nome ‘Persona 5 Strikers’, um pouco diferente do nome japonês, abrindo especulações sobre localização.

No mais recente relatório financeiro da Koei Tecmo, Persona 5 Scramble: The Phantom Strikers aparece listado para PlayStation 4 e Nintendo Switch, com lançamento físico, incluindo as regiões da América do Norte e Europa, mas sem data definida. Apesar da franquia ser da ATLUS/Sega, a Koei está envolvida no desenvolvimento deste jogo em específico.

Relatórios anteriores da empresa apenas indicavam planos para um lançamento internacional, sem mencionar regiões. O jogo saiu no Japão em fevereiro de 2020, e ganhou lançamento na Coreia do Sul e na China em junho (são lançamentos internacionais). No final do ano passado, a SEGA registrou um logo para Persona 5 Strikers, como o nome japonês Persona 5 Scramble: The Phantom Strikers, suspeita-se que esse seria o nome localizado em inglês.

Esse spin-off se passa após o final do jogo original, contando com cenários novos em relação a ele, como Osaka, Sapporo e Okinawa. Após os eventos de P5, o grupo do Phantom Thieves está de férias, mas acaba parando em uma realidade alternativa, parecida com o Metaverso. Há dois novos parceiros no time: Sophia e Zenkichi Hasegawa. Confira um trailer em japonês:

Persona 5 saiu para PS3 e PS4 em 2017 no ocidente (2016 no Japão), sendo, como indica o nome, o quinto da franquia principal de Persona, derivada de Shin Megami Tensei. O jogo conta a história de um adolescente – cujo nome é dado pelo jogador – que foi falsamente acusado e condenado por agressão a uma mulher. Devido a esse registro criminal, ele se muda para Tóquio enquanto fica em liberdade condicional como pena. Lá, ele acaba viajando para o Metaverso, uma realidade paralela construída pelos desejos das pessoas, onde descobre poderes de invocar Personas. Junto com amigos que vai conhecendo, ele alterna entre realidade e Metaverso para fazer criminosos se arrependerem e confessarem seus crimes, começando a entender qual a relação dele com essa outra realidade. Um pouco antes do jogo sair, The Day Breakers, OVA que servia como prólogo do jogo, foi lançado.

Frente ao grande sucesso, a obra ganhou uma adaptação em mangá por Hisato Murasaki e uma animação pelo estúdio CloverWorks. O animê foi ao ar ano passado e embora sua exibição tenha terminado, não cobriu toda a história, sendo dois OVAs lançados posteriormente para finalizá-la. Todas as animações da série estão disponíveis na Crunchyroll.


Fonte: Siliconera

Publicidade
close