Imagem: O Gridman original!

Gridman: primeiro episódio da série original já está disponível no canal da Tsuburaya

Essa é a sua chance de assistir à versão original de ‘Superhuman Samurai’ – de maneira oficial.

Como havíamos noticiado aqui, Denkou Choujin Gridman, a série que deu origem ao norte-americano Superhuman Samurai Syber-Squad e ao animê SSSS.Gridman, estreou no canal oficial da Tsuburaya no YouTube nesta sexta (30). O primeiro episódio possui legendas em inglês e ficará disponível por duas semanas.

Se você ainda não viu a série clássica, essa é a chance de acompanhar Gridman de forma oficial. Novos episódios às sextas-feiras, a partir das 6h30 da manhã (horário de Brasília).

Assista ao primeiro episódio:

Episódio 1 – The Birth of a New Century Hero! (Shinseiki Hero Tanjou!)

Exibido no Japão em: 3 de abril de 1993

 

Lembrando que SSSS.Dynazenon, o segundo animê da mitologia de Gridman, teve seu primeiro vídeo promocional divulgado no começo deste mês. Confira os detalhes aqui.


Fonte: ULTRAMAN OFFICIAL by Tsuburaya (via YouTube)


Código de acesso: Gridman

Gridman contava as aventuras de Naoto, Yuka e Ippei, três garotos que são experts em computação que criam um video game. Certa vez, eles recebem um pedido de ajuda de Gridman, que veio de uma realidade virtual, para prender o vilão Kahn Digifer (uma espécie de mistura de Darth Vader e Satan Goss). Naoto se une a Gridman para evitar catástrofes que podem ameaçar a paz da cidade Sakuragaoka e até mesmo o mundo real. Em contrapartida, Digifer adota o jovem Takeshi Todo como criador de seus monstros gigantes.

Exibido nos finais de tarde de sábado pela emissora japonesa TBS, entre 3 de abril de 1993 e 8 de janeiro de 1994, Gridman totalizou 39 episódios. Em 18 de dezembro de 2017, a série original estreou no canal pago estadunidense Toku (ex-Funimation Channel) e chegou a ser disponibilizada pelo Amazon Prime Video americano.

Numa tentativa de concorrer com a antiga Saban Entertainment, que estava produzindo Mighty Morphin Power Rangers, a DIC Entertainment adaptou a série nos Estados Unidos como Superhuman Samurai Syber-Squad (ou simplesmente Superhuman Samurai no Brasil). Exibida na extinta Rede Manchete de 1996 a 1997, esta versão tinha como protagonista o adolescente Sam Collins (interpretado por Matthew Lawrence, que foi um dos filhos do saudoso Robin Williams no clássico Uma Babá Quase Perfeita), que um dia recebeu um pedido de socorro do programa de computador Servo. Sam se une ao herói gigante da realidade virtual ao tocar uma nota em sua guitarra e dizer “Samurize!“.  Ao seu lado estão o baterista Tanker, a tecladista Sydney e o baixista (e autodeclarado “cadete espacial”) Amp, que pilotam veículos que formam uma armadura especial para Servo. O grande vilão é Kilokhan, um vírus de computador que conta com a ajuda do estudante Malcolm Frink (apelidado como “pedaço de carne“) para criar os gigantes Mega-Virus da semana. Teve 53 episódios exibidos pela emissora americana ABC e por transmissão de syndication.

Matthew Laurence, o astro teen de Superhuman Samurai | Divulgação

Licenciada pela Sato Company na época, a versão brasileira de Superhuman Samurai foi realizada pela extinta Gota Mágica, que escalou alguns dubladores do animê Os Cavaleiros do Zodíaco para o elenco. Destaques para Hermes e Gilberto Baroli (Seiya de Pégaso e Saga de Gêmeos) como Sam/Servo e Kilokhan, respectivamente. Curiosamente, na mesma época de Superhuman Samurai, a DIC também produziu a constrangedora série Os Jovens Guerreiros Tatuados de Bervely Hills, exibida no SBT de 1995 a 1997.

Entre outubro e dezembro de 2018, as emissoras japonesas WOWOW, Tokyo MX, BS11 e MBS exibiram o animê SSSS.Gridman (a sigla é uma clara referência à versão americana), de apenas 12 episódios. O protagonista é Yuta Hibiki, um aluno do primeiro ano do ensino médio de Tsutsuji-dai e que sofre de amnésia. Um dia ele entra em contato com Gridman através de seu computador. Com a ajuda de seus colegas Sho Utsumi, Rikka Takarada e Akane Shinjo, Yuta vai em busca de seu passado, mas sua vida muda drasticamente com o surgimento de um kaiju.

A série chegou a ter simulcast pela plataforma de streaming Crunchyroll nos EUA, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Reino Unido, Irlanda, África do Sul e Países nórdicos. Infelizmente, SSSS.Gridman permanece inédito no Brasil.

Publicidade
close