Personagens de Slam Dunk.

Slam Dunk: Obra de Takehiko Inoue vai virar filme

Anúncio foi feito no Twitter do autor.

Pegando todos de surpresa, Takehiko Inoue decidiu jogar uma bomba na primeira semana útil de 2021. O renomado mangaká anúnciou que Slam Dunk vai virar filme. A informação foi revelada há poucos minutos, em seu Twitter.

A mensagem é acompanhada de um gif que forma, pouco a pouco, o nome “Slam Dunk”, acompanhado dos dizeres: “vai virar filme!”. Segundo a Oricon, será uma animação.

Capa nacional de ‘Slam Dunk’ vol. 01 | Divulgação/Panini.

Slam Dunk é considerada por muitos a maior obra de Inoue, que também é autor de Vagabond e Real. Publicado originalmente entre 1990 e 1996, pela Shueisha, o mangá de basquete é um dos maiores sucessos da história da Shonen Jump, sendo o provavelmente o mais aclamado dentre todos os mangás de esporte.

Chegou inclusive a ficar em 3º lugar na pesquisa sobre os 100 mangás mais populares do Japão promovida pela TV Asahi, na semana passada. Completo em 31 volumes, o título teve duas passagens pelo Brasil. Em meados de 2005, foi publicado pela Conrad, em versão tankobon. De 2016 a agosto de 2020, a obra foi relançada pela Panini em formato kanzenban, dessa vez totalizando 24 encadernados.

A série também rendeu uma animação de 101 episódios produzida pela Toei, que não adapta todo o mangá e possui final em aberto, além de 4 OVAS contando eventos extras em relação à trama original.

A história gira em torno de Hanamichi Sakuragi, um típico colegial delinquente de cabeleira ruiva. Seu comportamento questionável esconde a frustração de quem não aguenta mais ser preterido pelas colegas da escola, que preferem os esportistas. No entanto, as coisas começam a mudar quando ele se apaixona por Haruko, que sugere que ele entre no time de basquete do colégio Shohoku. Sakuragi enfim consegue entrar no time e dá início à sua jornada representando a escola no campeonato nacional.

Mais informações a respeito do filme de Slam Dunk devem ser reveladas em breve.


Fonte: Takehiko Inoue no Twitter.

Publicidade
close