Imagem: Denji em capa do volume 11 de 'Chainsaw Man'.

Chainsaw Man: Mangá chega a 11 milhões de cópias em circulação

Com isso, o mangá possui, em média, 1 milhão de cópias por volume.

A Shueisha divulgou hoje (28) que Chainsaw Man chegou em 11 milhões de cópias em circulação – dá uma média de 1 milhão por volume. A primeira parte foi seriada de 2018 a 2020, com 11 volumes.

A história do mangá aborda Denji, um homem pobre capaz de fazer tudo por dinheiro, até mesmo caçar demônios com seu cachorro Pochita. Ele é um rapaz comum, atolado em dívidas, mas um dia tudo muda quando ele é traído por uma pessoa em quem confiava. Agora, com poderes demoníacos, Denji se torna o Chainsaw Man (“Homem Motosserra”).

Tatsuki Fujimoto (Fire Punch) seriou a primeira parte na Shonen Jump de 2018 a dezembro de 2020, com 9 volumes compilados até o momento (mais dois devem sair). A Panini publica o mangá no Brasil – confira nossa crítica do primeiro volume.

Um animê foi anunciado e ontem (27) ganhou seu primeiro trailer.


Fonte: Oricon

Publicidade
close