Coluna do Daileon#110 | Kamen Rider Saber revelado! Conheça os personagens da nova série

O segundo Rider da era Reiwa estreia em setembro na TV Asahi.

Saudações inca-venusianas! (Awika!) Toei anuncia Kamen Rider Saber; confira os detalhes nesta edição. 24 Horas ganha versão japonesa com atores de tokusatsu no elenco. Primeiro super-herói japonês da TV brasileira, National Kid completa 60 anos na semana que vem. “Celacanto provoca maremoto!” A Coluna do Daileon começa agora!


Espada de Logos

Nesta quarta (29), a Toei promoveu uma conferência de imprensa para o anúncio oficial de Kamen Rider Saber*, a segunda série da franquia de Shotaro Ishinomori da era Reiwa. Antes, no último fim de semana, o visual do herói foi revelado através de imagens da revista Televi Magazine. Mas agora é hora de explorarmos as primeiras informações sobre a nova série.

Saber será dirigida por Takayuki Shibasaki, veterano que já contribuiu para séries como Kabuto, Decade, Gaim, Drive, Build, Zero-One, entre outras. O roteirista principal será Takuro Fukuda, que anteriormente assinou a série Kamen Rider Ghost (2015~16). A trilha sonora conta com as composições de Kosuke Yamashita, que já trabalhou em Kamen Rider Gaim. Kazuhiro Takashi (de Kamen Rider Gaim e Ryusoulger) é o produtor chefe.

A série vai apresentar um mundo baseado em contos de fadas e aventuras de fantasia que irá se colidir com o nosso, centrado no conflito com um lendário livro que contém poderes e segredos incomparáveis. Nos tempos antigos, um grupo sinistro conhecido como Megiddo apareceu para capturar o tal livro. Como resultado do conflito, os capítulos do livro se espalharam por todo o mundo. Uma liga de heróis conhecidos como Espada de Logos se reúne para combater os malfeitores e recuperar o livro. As batalhas entre os dois grupos levarão o mundo ao caos – com pessoas e lugares que desaparecem entre mundos.

Dentre os principais personagens teremos, inicialmente, cinco Riders. Segundo informações, o número total de heróis pode ser superior a dez. Confira:

 

Touma Kamiyama/Kamen Rider Saber

Interpretado por Shuichiro Naito (24). Um romancista proprietário da Fantástica Livraria Kamiyama. Um encontro com a espada de fogo Rekka lhe concede o poder de Kamen Rider Saber.

 

Rintaro Shindo/Kamen Rider Blades

Interpretado por Takaya Yamaguchi (23). O Rider secundário da trama. Ele empunha a espada da água Nagare e é muito dedicado a regras e ordem.

 

Mei Sudo

Interpretada por Asuka Kawazu (20). Uma editora de Touma e também sua grande aliada.

 

Kento Fukamiya/Kamen Rider Espada

Interpretado por Ryo Aoki (24). Amigo de infância de Touma. Seu sinal elementar é um raio alimentado pela espada do relâmpago Ikazuchi.

 

Ren Akamichi/Kamen Rider Kenzan

Interpretado por Eiji Togashi (19). Um homem com alta auto-estima que vê Touma como um rival. Com a espada do vento Hayate, desfere ataques poderosos de ciclones.

 

Kamen Rider Caliber

Sua identidade é desconhecida. Caliber é um traidor da Espada de Logos e agora trabalha com Megiddo para ganhar o poder do livro para si mesmo. Caliber trabalha ao lado do vilão Storius – criador de um livro capaz de alterar a história.

 

Sophia

Interpretada por Rina Chinen (39). Uma antiga mística que procura restaurar o equilíbrio dos mundos.

 

Tetsuo Daishinji

Interpretado por Hiroaki Oka (21). Assistente de Sophia que ajuda na manutenção de armas e veículos dos Kamen Riders.

 

Também foram revelados os personagens Regiel (Kairu Takano), Zuoth (Koji Saikawa), Storius (Robin Furuya). Eles fazem parte da  organização Megiddo.

O tema de abertura de Kamen Rider Saber será apresentado pela Tokyo Ska Paradise Orchestra, juntamente com outro convidado musical que não foi revelado até o momento. E outra novidade é que teremos novamente tema de encerramento, algo que não acontecia desde 2005, quando Kamen Rider Hibiki estava no ar. Este levará o nome do herói-título e será interpretado por Kinichi Motegi, o baterista da banda.

Kamen Rider Saber estreia em 6 de setembro e vai ao ar todos os domingos, a partir das 9h da manhã (horário de Tóquio), pela TV Asahi.

Assista ao trailer da nova série:

*Nota: Saber é também escrito pelos seguintes kanjis: 聖 (sei) significa sagrado. E 刃 (ha) significa espada. Juntos, os caracteres são pronunciados como “Seiba” em japonês.


Despedida

Faltam apenas 5 episódios para Kamen Rider Zero-One acabar e as gravações já foram encerradas (totalizando 45). O elenco registrou as imagens de despedida nos bastidores. Veja na galeria:


Reta final

Agosto chegando e é hora de conferirmos o que vem por aí através das páginas da Televi Magazine.

A MetsubouJinrai.net finalmente vai se rebelar contra a Ark. Além disso, uma nova Progrise Key deverá aparecer no desfecho da série.


Estranha transformação

Em Kiramager, aparecerá Zabyu-N. Criado a partir do Aqua Kirama Stone, este novo Mashin é um trem com características semelhantes a tubarões.

Ao lutar ao lado do Mashin Express, Zabyun pode ser usado para criar um novo robô gigante – King Express Zabyun. Essa nova combinação é mais rápida e mais forte que a forma padrão do King Express, capaz de destruir inimigos com poderosos ataques de água.

Enquanto isso, Kirama Silver vai passar por uma transformação surpreendente, aparentemente causada por um novo Kirama Changer. Veja as imagens:


Robô gigante

Em Ultraman Z (Zett), o herói finalmente usará os poderes do trio da era Heisei – Tiga, Dyna e Gaia – para se transformar em sua forma Gamma Future. Nesta forma, Zett pode usar ilusões para combater seus oponentes. Usando as Ultra Medals de Zoffy, Jack e Pai de Ultra, ele pode desencadear o ataque Tornado Flash-Slash e a Lightning Grenade através das medalhas Cosmos, Nexus e Mebius.

King Joe, o robô gigante que apareceu nos episódios 14 e 15 de Ultra Seven, retornará à Terra para roubar as Ultra Medals. Mas Zett conseguirá derrotá-lo e, depois disso, Joe sera configurado para se tornar um robô da STORAGE, junto de Windom e Sevenger.

Por fim, as irmãs Alien Pitt (do episódio 3 de Seven) – Faa e Shii- também farão uma aparição. Veja as imagens:


Reference to Geed

Se você assistiu ao episódio 6 de Ultraman Z (Zett) em tempo real e com legendas em inglês no canal da Tsuburaya no YouTube, viu a versão oficial da famosa frase de Riku Asakura/Ultraman Geed.

Sitting around doing nothing won’t get me anywhere! (Ficar sentado sem fazer nada não vai me levar a lugar algum!)

A tradução vem da versão oficial da Crunchyroll, dá época do simulcast em 2017. Aqui no Brasil a frase foi adaptada como “Gente parada dorme no ponto“. Percebam que as duas versões possuem o mesmo sentido e fazem referência ao nome Geed. Não custa lembrar que o nome do herói vem das palavras inglesas Gene (gene) e Destiny (destino), ao contrário. Logo, a pronúncia em japonês é dita como “Jiido” (ジード), considerando o uso do idioma inglês para katakaná (alfabeto japonês específico para palavras estrangeiras).

O nome está conectado à frase do herói: “Jiittoshite temo, Dounimo naranai” (ジーっとしてても、どうにもならない).” Abreviando: torna-se “Jiido”. Numa tradução livre, seria algo como “Ficar parado só olhando não dá em nada“.

PS: Uma pena que a versão brasileira do filme de Geed (erroneamente chamado de “Guid”) não teve o mesmo cuidado. :/


Windom

O revival desta semana, no canal da Tsuburaya, é o episódio 24 de Ultra Seven, intitulado no Brasil como Batalha no Ártico. Nesta aventura, Windom, um dos monstros de cápsula de Dan Moroboshi, foi controlado pelo Alien Kanan. Legendas em inglês (com tradução automática em português nas configurações do YouTube). Assista:


Awika!

National Kid, o primeiro e o mais antigo super-herói japonês a invadir as telinhas no Brasil, vai completar 60 anos na próxima terça (4).

Exibida originalmente entre 4 de agosto de 1960 e 27 de abril de 1961 pela emissora NET (atual TV Asahi), National Kid foi uma produção da Toei Company que apresentava um herói vindo da quarta dimensão para proteger a Terra contra invasores do espaço durante 39 episódios semanais. A série também serviu como merchandising para a fábrica de eletrodomésticos National Eletronics Inc (atual Panasonic). A criação foi do mangaká Daiji Kazumine (o mesmo de Spectreman), que apresentou também uma adaptação em quadrinhos de julho de 1960 a dezembro de 1961.

National Kid chegou ao Brasil em 1964 e inicialmente foi exibido pelas emissoras TV RecordTV Rio (atual RecordTV Rio) e TV Piratini de Porto Alegre (afiliada da Rede Tupi e atual SBT Rio Grande do Sul). Sua última exibição com a dublagem original aconteceu em meados de 1970, pela Rede Globo. Cult da história da TV brasileira, o clássico ganhou uma sobrevida a partir de setembro de 1993 pela Sato Company, que relançou parte da série em VHS. Chegou a ter uma curta exibição nas noites de sexta-feira entre 29 de março a 10 de maio de 1996 como parte do bloco JapAction, pela extinta Rede Manchete. Em 2002, a Cinemagia lançou dois discos com a saga dos Incas Venuzianos. Mais tarde, a Focus Filmes lançou duas boxes da série entre 2009 e 2010.

A voz do herói ficou marcada pela interpretação do veterano Emerson Camargo nas duas primeiras dublagens. O dublador contribuiu também para as versões brasileiras de Ultra SevenPatrineWinspector, além de alguns filmes da franquia Ultraman. Camargo morreu aos 72 anos no dia 14 de abril de 2017.

Atualmente, alguns episódios estão disponíveis no canal Tokusatsu TV no YouTube, além da plataforma de streaming Amazon Prime Video.


Super Gigante

Reprodução/Cine Repórter

National Kid pode ser o primeiro herói japonês da TV brasileira, mas não do Brasil. Super Giant, o primeiro super-herói japonês já passou por aqui. Sendo mais preciso, num festival de filmes japoneses realizado em São Paulo pela Meca Cinematográfica e Nippon Filmes do Brasil. É o que consta na edição de 27 de dezembro de 1958 da revista Cine Repórter (acesse aqui). Dentre os títulos da programação estava o filme Super Gigante o Homem de Aço.

Super Giant totalizou 9 filmes lançados originalmente para as telonas entre 1957 e 1959 pelo extinto estúdio Shintoho Company. O herói ganhou adaptação norte-americana através dos filmes Atomic Rules of the WorldAttack from SpaceEvil Brain from Outer Space (os três são de 1964) e Invaders from Space (este último é de 1965). Lembrando que o primeiro herói da cultura pop japonesa é Fantomas , em 1931. Ele também teve um filme tokusatsu em 1966 e uma série de animê entre 1967 e 1968. Já o primeiro super-herói da TV japonesa foi Gekko Kamen, produzido pela Toei em 1958. O “Super-Homem” japonês é conhecido nos EUA como Starman e na França e Itália como Spaceman.

Não se sabe exatamente qual dos nove filmes foi exibido exatamente no Brasil. No mesmo festival houve alguns filmes listados com a participação do astro Ken Utsui como Vitória Esplêndida e O Rei do Box.

Ainda sobre essa exibição, o editor e quadrinista nipo-brasileiro Minami Keizi (1945~2009), contou em sua coluna Cultura Nippon, da edição 7 da revista Neo Tokyo (Editora Escala), que assistiu ao Super Giant na época – e confirma o sucesso. Confira na caixinha vermelha da página:

Reprodução/Neo Tokyo

Créditos: Hemeroteca Brasileira e Quiof


Quase no Brasil!

Você sabia que Nanairo Kamen (Toei, 1959) quase veio ao Brasil na década de 1960? Pois é. Essa informação saiu na edição de agosto de 1964 da revista TV Intervalo, de Belo Horizonte. A série seria intitulada por aqui como Máscara de Sete Côres e seria exibida justamente por causa do sucesso de National Kid. Não se sabe por qual motivo o projeto não foi para frente. Mas se desse certo, esta série tokusatsu seria a mais antiga a passar no Brasil. Veja o registro:

Reprodução/TV Intervalo

Créditos: Matheus Mossmann


Tá chegando!

Sato Company, por meio do canal de YouTube Tokusatsu TV, liberou nesta terça (28) um teaser de Kamen Rider Black, série que volta ser licenciada no Brasil este ano. Leia mais aqui.


Edição de colecionador

A edição física de colecionador de Power Rangers: Battle for the Grid chega para Nintendo Switch, PlayStation 4 e XBox One no dia 6 de outubro de 2020. Leia mais aqui.


Trailer

Saiu o trailer de NEZURA 1964, filme reboot de Giant Horde Beast Nezura, produzido pelo extinto estúdio Daiei em 1964. Com previsão de lançamento para dezembro, o título é produzido pela 3Y Co, através de financiamento coletivo. Assista com legendas em inglês:


Mãe de Anna

A Toei divulgou duas imagens revelando Mai, a mãe de Anna no filme Kamen Rider Den-O: Pretty Den-O. Ela será interpretada pela atriz Otoha (39).

Pretty Den-O estreia no próximo dia 14 no Toei Manga Matsuri. Originalmente estrearia no final de abril e teve que ser adiada por causa da pandemia da COVID-19. Veja as imagens:


Memória dos heróis

A Bandai Namco Entertainment Inc. anunciou um novo jogo de ação para o Playstation 4 e Nintendo Switch, intitulado KAMEN RIDER memory of heroez, a ser lançado em 29 de outubro. O enredo do jogo envolve Kamen Rider Zero-One, que investiga um acidente em Sector City, uma ilha conhecida por seu turismo que ficou cheia de uma energia misteriosa. Ao longo da história original do jogo, Zero-One vai se encontrar com Kamen Rider W (Double) e Kamen Rider OOO (Ooz) enquanto ele aprende sobre o senso de justiça dos motoqueiros mascarados. Fumiya Takahashi (19) volta a interpretar Zero-One.

Assista o trailer (via canal Toei Tokusatsu):


Acústico

Nesta semana no canal Anison Lab, a dupla Ricardo Cruz e Lucas Araújo receberam a participação especial de Hironobu Kageyama, cantor da banda JAM Project que interpretou temas para as séries tokusatsu Changeman, Maskman e Jetman, além dos animês Os Cavaleiros do Zodíaco e Dragon Ball Z. “Hero/Herói” é uma canção original que fala sobre lembranças da infância e inspiração para jamais desistir dos sonhos. Assista no vídeo acima.


“Damn it!

O elenco principal da versão nipônica de 24 Horas | Divulgação

Você já assistiu 24 Horas? Quem acompanhou há de concordar que esta é uma das melhores séries americanas dos últimos 20 anos (e é também a grande favorita deste colunista). A partir de outubro, a TV Asahi vai lançar 24 JAPAN, mantendo o formato de uma temporada de 24 episódios (representando um único dia), onde cada episódio é situado em uma hora, em tempo real.

Yuma Ishigaki, o Gavan Type-G, será um agente da CTU | Divulgação

Alguns nomes de tokusatsu aparecem no elenco original. Quem fará o papel do agente da CTU (Counter Terrorist Unit) Genba Shido será Toshiaki Karasawa (57). Ele fez uma breve participação no episódio 7 de Goggle Five (1982) e esteve no filme Birth of the 10th! Kamen Riders All Together!! (1984). Nesta terça (28), Yuma Ishigaki (37), o Geki Jumonji/Gavan Type-G de Gavan: The Movie (2012) e da série de filmes Space Squad, foi anunciado que fará o papel de um agente de campo da CTU chamado Tohru Mikami. E o veterano Shiro Sano (65), que já esteve em alguns filmes de Godzilla e outros de tokusatsu, será Motoshi Onitsuka, diretor da CTU de Tóquio. Curiosamente, Chiaki Kuriyama (35), que esteve em Kill Bill: Vol. 1 como Go Go Yubari, será Itsuki Mizuishi, a chefe de uma das seções da CTU.

Na trama, Genba Shido terá 24 horas para impedir um atentado terrorista contra Urara Asakura (Yukie Nakama), a primeira mulher a se candidatar como primeira ministra do Japão. Esta é claramente uma adaptação da primeira temporada de 24 Horas, que foi ar originalmente pela Fox americana de 6 de novembro de 2001 a 21 de maio de 2002 (estreou na Fox brasileira em 4 de março de 2002 e na Globo em 12 de janeiro de 2004). Começando à meia-noite da Super Terça, dia das primárias presidenciais na Califórnia, Jack Bauer (interpretado pelo grande Kiefer Sutherland) teve que correr para salvar a vida do senador democrata David Palmer, que estava prestes a se tornar o primeiro negro americano a comandar a Casa Branca (Nota: os criadores Joel Surnow e Robert Cochran são apoiadores dos republicanos). 24 JAPAN deverá ter praticamente os mesmos elementos do primeiro dia mais longo de Bauer. Assim como sua contraparte original, Shido cuida de uma esposa e uma filha adolescente (que provavelmente se meterão em encrenca). Enquanto isso, Asakura terá seu drama pessoal com seu marido e seus filhos adolescentes, assim como Palmer.

Jack Bauer (Kiefer Sutherland) e David Palmer (Dennis Haysbert) no primeiro dia de cão da série original | Divulgação

24 Horas estreou nos EUA um pouco depois dos atentados de 11 de setembro (o que fez com que a Fox adiasse o lançamento em uma semana). Fez sucesso e rendeu outras sete temporadas, com várias reviravoltas e surpresas que deixavam qualquer espectador na ponta do sofá, roendo as unhas e com o coração na mão. Após o fim da série, Jack Bauer voltou em 2014 numa minissérie de 12 episódios chamada 24 Horas: Viva um Novo Dia (24: Live Another Day). O mesmo formato limitado se repetiu em 2017 com 24 Horas: Legacy, que apresentou outro protagonista, pois Sutterland estava estrelando a série Designated Survivor (disponível na Netflix) como um presidente americano. Fora da TV, 24 Horas rendeu produtos canônicos como um game (situado entre a segunda e a terceira temporada), séries de publicações que apresentavam diversas missões de Bauer e até uma série para celular chamada 24 Horas: Conspiracy (2005) e uma série exclusiva para a internet chamada The Rookie (2007~08), protagonizadas por outros agentes da CTU.


Damn it, Chloe! July is over! Come August! See you next week!

Publicidade
close