Toonami está de volta! Bloco reestreia no Cartoon Network ainda neste mês

Bloco volta ao ar no Brasil depois de 13 anos, agora com curadoria da Crunchyroll.

Fora do ar no Brasil há 13 anos, o bloco Toonami estará de volta à programação do Cartoon Network no próximo dia 31 de agosto – e ainda dizem por aí que 13 é número de azar. A faixa será exibida de segunda a sexta à meia-noite, reapresentando Dragon Ball Super ao lado da estreia de Mob Psycho 100, com dublagem em português.

O retorno do Toonami por aqui se dá agora com a curadoria da Crunchyroll, plataforma de streaming focada em animês pertencente ao mesmo grupo midiático do Cartoon (a WarnerMedia, da AT&T) – tanto que será chamado agora de Toonami by Crunchyroll.

Estamos muito entusiasmados com o Toonami de volta, e ainda por cima pelas mãos do número um na indústria, como a Crunchyroll“, comentou Pablo Zuccarino, VP Sênior e Gerente do Cartoon Network, Boomerang e Tooncast na América Latina.

Responsável por fidelizar o público de animê na TV por assinatura no começo dos anos 2000, o bloco retorna pouco após a implementação do Adult Swim pelo Warner Channel. Assim como o Toonami, a faixa de desenhos animados para adultos perdeu espaço no passado em um período em que o Cartoon Network sofreu problemas para adequar sua programação na categoria de canal infantil.

O Toonami nasceu na matriz americana em 1997 como um faixa de desenhos animados de ação. No Brasil, chegou em dezembro de 2002, sendo exibido aos fins de tarde. Embora tenha apresentado alguns desenhos americanos, como Liga da Justiça, ficou marcado pela exibição de animês como InuYasha, Dragon Ball GT, Os Cavaleiros do Zodíaco e Yu Yu Hakusho. A identidade com a animação nipônica catapultou o bloco para as madrugadas, onde chegou a apresentar títulos voltados para um público mais velho, como Trigun, Love Hina e Cowboy Bebop – O Filme.

Sobre as séries:

Dragon Ball Super: Já bem conhecida do público do Cartoon Network, foi lançada no Japão em 2015, sendo encerrada em 2018 com 131 episódios. A história se passa após a derrota de Majin Buu na série Dragon Ball Z, com novos inimigos para Goku, que agora pode superar os níveis de força de um deus.

A versão dublada da série foi exibida pelo canal a partir de 2017, quando chegou a ser líder de audiência na TV paga, enquanto os episódios legendados seguiram via streaming na Crunchyroll. Uma adaptação em mangá é publicada pela Panini.

 

Mob Pyscho 100: Surgiu de uma webcomic criada por “ONE” (autor de One-Punch Man), seriada entre 2012 e 2017. Conta a história de um garoto introvertido chamado Shigeo Kageyama (ou simplesmente Mob), que possui uma poderosa habilidade de telepatia. O potencial desse poder psíquico é constantemente suprimido para evitar uma catástrofe, mas se torna útil para um vidente vigarista, que explora seus serviços por uns trocados.

A versão animada pelo estúdio Bones (Fullmetal Alchemist: Brotherhood, My Hero Academia) surgiu em 2015, reunindo 25 episódios dirigidos por Yuzuru Tachikawa, já exibidos em streaming pela Crunchyroll e na TV aberta pela Rede Brasil. O mangá também saiu aqui pela Panini.


Fonte: Release de imprensa


Quais os próximos passos?

Após uma pausa em 2008 nos EUA (no ano seguinte ao fim aqui no Brasil), o Toonami regressou em 2012 focando a sua programação em animês nas madrugadas de sábado como parte do Adult Swim, tendo investido também em co-produções.

No mês passado, foi anunciada a produção Fena: Pirate Princess, um animê original da Crunchyroll junto ao Toonami americano. A animação do Production I.G será exibida em 2021 e é bem provável que acabe passando no Cartoon Network daqui, caso essa parceria renda bons frutos.

Já o selo Adult Swim aparece como exibidor nos EUA da minissérie animada baseada no cultuado mangá de horror Uzumaki, com estreia prevista para 2021. Bom candidato para o Toonami brasileiro ou para a versão do Warner Channel? Teremos de aguardar.

Para breve, o mais provável é que o Toonami by Crunchyroll exiba alguns títulos que já foram dublados em português e inclusive foram transmitidos em TV aberta pela Rede Brasil. Mas claro, um verdadeiro investimento da WarnerMedia pode incluir novas séries dubladas.


Mais sobre a trajetória do Toonami no Brasil

Na virada de 2017 para 2018 lançamos em nosso canal do YouTube dois vídeos contando a passagem do Toonami pelo Cartoon Network brasileiro, com foco, claro, nos animês. Se você quer saber um pouco mais sobre a história do bloco, confira nos links abaixo:

 

 

Publicidade
close