Imagem: Rangers de diversas gerações em imagem promocioal.

Power Rangers: Hasbro comenta sobre novo universo compartilhado

O projeto tocado pelo diretor Jonathan Entwistle contará com séries e filmes em live action, além de animações.

Na manhã desta segunda (26), a Hasbro realizou uma conferência de receitas do terceiro trimestre com a participação de Brian Goldner, para avaliar o desempenho das vendas de produtos. Na ocasião, o presidente da empresa comentou sobre os planos para a marca Power Rangers.

Goldner disse que o projeto dirigido por Jonathan Entwistle (The End of the F***ing World) é uma das grandes apostas da Hasbro. Além disso, ele comenta que serão produzidas séries em live-action e voltadas para um público mais velho. Quanto ao filme para o cinema, também será com atores reais.

Em entrevista para o site Insider, Entwistle contou que o novo universo compartilhado também contará com animações.

Agora estou trabalhando no novo universo reimaginado de Power Rangers do zero. Agora estou estruturando um novo mundo de filmes, televisão e animação. Eu estou muito ciente do fandom vs entregar o que as pessoas esperam, enquanto ainda faço algo legal e novo, mas sem reinventar a roda.


Fonte e tradução: Mega Power Brasil (1) e (2)


Power Rangers é uma adaptação norte-americana da franquia Super Sentai, conhecida pelo público brasileiro através das séries Changeman (1985), Flashman (1986), Goggle Five (1982) e Maskman (1987). Criada pelo empresário Haim Saban, a série foi ao ar pela primeira vez nos EUA em 28 de agosto de 1993 com o título Mighty Morphin Power Rangers e logo se tornou uma febre mundial. A primeira temporada apresenta os adolescentes Jason, Zack, Billy, Trini e Kimberly, que foram escolhidos por Zordon para lutar contra Rita Repulsa e seus capangas. Mais tarde aparece Tommy, o Ranger Verde, como vilão e posteriormente aliado do quinteto, mantendo destaque e admiração dos fãs até os dias de hoje.

A série sofreu mudanças de elenco, surgiram novos inimigos na trama, visuais diferentes para cada temporada e com o tempo foi se consolidando como uma franquia de super-heróis na TV americana. A marca Power Rangers foi inicialmente administrada pela antiga Saban Entertainment, depois foi transferida para a Disney em 2002, foi readquirida por Haim Saban em 2010 e finalmente vendida para a Hasbro (a mesma produtora de Transformers) em 2018. Os heróis multicoloridos não ficaram restritos à TV e atualmente mantêm expansão no cinema, no RPG e principalmente nos quadrinhos da editora BOOM! Studios.

No Brasil, Power Rangers estreou em meados de 1994 no canal pago Fox e mais tarde em 2 de janeiro de 1995 como atração do extinto programa infantil TV Colosso, na Rede Globo, onde garantiu sucesso. Várias temporadas foram exibidas na Band, nos extintos canais pagos Fox Kids e Jetix, na Nickelodeon e atualmente no Cartoon Network, com a exibição de Power Rangers Morfagem Feroz. Sem contar que todas as temporadas estão disponíveis no catálogo da Netflix.

Publicidade
close