Hiei, Kurama, Kuwabara, Yusuke, Keiko e Botan.

Yu Yu Hakusho: Mangá vai ganhar versão live-action pela Netflix

Não há previsão de lançamento ou nomes do elenco ainda.

A Netflix anunciou hoje (15) uma série live-action inspirada no mangá de Yu Yu Hakusho, com produção de Akira Morii no ROBOT (estúdio responsável pela produção de Alice in Borderland). O Original Netflix terá distribuição mundial simultânea pelo serviço (ou seja, deve estrear diretamente lá para todo mundo, ao invés do que ocorre com alguns animês).

Ainda não há informação sobre elenco ou qualquer previsão de estreia.  O diretor da Divisão de Aquisição de Conteúdo da Netflix no Japão diz ter crescido com a série e que a Netflix se dedica para trazer o melhor da história, com uma equipe de alta qualidade dentro e fora do país.


Fonte: Natalie


Yu Yu Hakusho é originalmente um mangá de Yoshihiro Togashi, publicado na famosa Shonen Jump entre 1990 e 1994. Conta a história de Yusuke Urameshi, um rapaz problemático e encrenqueiro que surpreende o mundo espiritual ao dar sua vida para salvar um garotinho de um atropelamento. Como não estava nada programado para a sua morte, ele recebe uma chance de voltar à vida, desde que cumpra algumas tarefas como detetive espiritual. O mangá foi publicado duas vezes no Brasil pela Editora JBC.

O animê veio em 1992, com produção do Studio Pierrot (o mesmo que anos depois faria o sucesso Naruto). Os 112 episódios foram exibidos no Brasil a partir de 1997 pela Rede Manchete e sua trilha sonora ficou reconhecida como uma das melhores adaptações nacionais do gênero. Existiu o projeto de um disco na época, mas o trabalho nunca foi levado à frente (um projeto tributo, feito pelos músicos originais, teve 5 vídeos lançados em nosso canal no YouTube).

Em 2004, Yu Yu Hakusho voltou ao ar no Brasil pelo canal pago Cartoon Network, com uma redublagem feita com quase todo o elenco original. Na época, não houve um acerto para o uso da trilha brasileira e assim conferimos pela primeira vez as músicas originais do Japão. Essa versão teve poucos episódios exibidos também pela Band e em seguida foi reprisada por completo pela PlayTV, também saindo em DVD pela PlayArte.

Publicidade
close