Crunchyroll e Funimation rompem parceria em novembro

Empresa da Sony focará em seguir sua expansão independente.

Compartilhando conteúdos desde setembro de 2016, a Crunchyroll e a Funimation seguirão seus caminhos separados a partir do próximo dia 9 de novembro. A decisão partiu por parte da Funi, que passará a investir em seu player próprio (ainda não disponível para a América Latina).

Segundo nota da própria Crunchyroll, o desligamento da parceira não afetará as séries exibidas simultaneamente, como é o caso dos sucessos My Hero Academia, Attack on Titan e Overlord, que permanecerão no ar. Outros vários títulos, no entanto, serão removidos já no próximo dia 9, lista que ainda será divulgada pelas empresas.

Vale notar que a saída da Funimation não afeta tanto a realidade do assinante brasileiro da Crunchyroll. Boa parte dos títulos distribuídos pela empresa, muitos deles clássicos como Yu Yu Hakusho, Slayers ou Hellsing, sequer estão disponíveis em nosso território. Outros tantos possuem outros licenciantes por aqui, que distribuem as séries em outras plataformas on demand como a Netflix.

No mercado americano, a parceria entre as duas empresas trazia séries em simulcast, exibidas com legendas pela Crunchyroll e com dublagem (em inglês, obviamente) no FunimationNOW. Gen Fukunaka, CEO da Funimation, afirmou em um memorando interno (divulgado pela Variety), que a intenção da plataforma agora é a de se fortalecer como uma marca global na transmissão de animes dublados e legendados (podendo se expandir então para outros idiomas). Inclusive, a partir do próximo dia 9 várias séries legendadas entrarão para o catálogo do FunimationNOW.

O fim da parceria também está diretamente ligado à aquisição da Funimation por parte da Sony, ocorrida no ano passado. Neste ano, a própria Crunchyroll também passou a ser controlada por completo pela AT&T, gigante das telecomunicações e atual dona dos estúdios e canais da Warner. Nessa separação, o FunimationNOW também está de malas prontas pra sair do VRV, uma espécie de agregadora de vários canais de streaming, onde você paga uma mensalidade para ter acesso a vários serviços – pacote onde a FunimationNOW e a Crunchyroll caminhavam lado a lado. Após a saída da Funi, o VRV também anunciou a inclusão do Hidive, outra plataforma dedicada a transmissão de animes (e essa sim, disponível para brasileiros).

Por enquanto, não há qualquer anúncio sobre um lançamento do FunimationNOW para o Brasil e a América Latina.

[Via Crunchyroll e Variety]

Publicidade
close