Digimon: nova série animada estreia em abril, sendo um reboot com os personagens clássicos

Nova série recontará a história dos primeiros digiescolhidos totalmente do zero, agora no ano 2020.

E o substituto de GeGeGe no Kitarou no Japão não será o retorno de Dragon Ball, mas sim de outra grande franquia da Toei Animation. Uma nova série de Digimon será exibida a partir de abril de 2020, às 9 da manhã de domingo da Fuji TV.

Com o mesmo roteirista de Bucky, Hamtaro, Super Onze, Pokémon, One Piece, Captain Tsubasa (2018) e diversas outras pratas televisivas nipônicas, Atsuhiro Tomioka, a grande surpresa desse novo animê é de que ele será um reboot com os mesmos personagens da série de 1999 – seguindo suas incansáveis comemorações de 20 anos.

Um pôster e as primeiras imagens conceituais de Tai e Agumon já começaram a circular, mostrando que o visual original será parcialmente preservado, com atualizações sutis nas roupas dos personagens. Confira abaixo.

 

 

Ambientado nos tempos atuais, o enredo começa quando uma falha de rede atinge todo o sistema de metrôs de Tóquio, com luzes piscando e semáforos incontrolados. Isso tudo enquanto o estudante do 5º ano Taichi Yagami (que na versão original virou Tai Kamiya no Ocidente) estava tranquilamente em sua casa perto da capital, se preparando para o acampamento de verão, e sua mãe e sua irmã Hikari estavam em um trem descontrolado em Shibuya. O moleque corre pra ir ajuda sua família, quando de repente é transportado para o Mundo Digital, onde vivem os seres conhecidos como Digimon.

É bom deixar claro que a linha da história dessa nova série não tem relação com o filme Digimon Adventure: Last Evolution Kizuna, que encerrará a trama dos primeiros digiescolhidos (agora adultos) em fevereiro no Japão. O longa já foi anunciado para países ocidentais, mas segue sem qualquer expectativa de lançamento no Brasil.

[Via Moetron e Geração Digimon]


Inspirado no popular Tamagotchi, Digimon surgiu em 1997 pela Bandai, como uma série de bichinhos virtuais que também podiam batalhar. Em 1999 a Toei Animation lançou uma série animada derivada, sob o título de Digimon Adventure.

Creditada a uma equipe criativa denominada como Akiyoshi Hongo, Digimon Adventure fez sucesso suficiente para render uma continuação no ano seguinte, com Digimon 02. Depois foi a vez de Digimon Tamers Digimon Frontier, séries que possuíam seus próprios enredos, sem dar continuidade às duas primeiras. Após uma pausa, o título voltou com mais uma série original em 2006, intitulada de Digimon Savers (Data Squad no Ocidente). Entre 2010 e 2012 foi a vez de Digimon Xros Wars (Fusion) e em 2016 chegou Digimon Universe: App Monsters.

Trazida ao Brasil como forma de contra-ataque à mania PokémonDigimon ganhou grande destaque na programação da Rede Globo a partir de julho de 2000, sendo exibido também pelo extinto canal pago Fox Kids. Dublada nos lendários estúdios da Herbert Richers, foi um enorme sucesso comercial, rendendo inúmeros produtos estampados com a marca, como materiais escolares, alimentos, revistas, jogos e brinquedos.

Parte dos episódios da 1ª série foi lançada em DVD pela Focus Filmes. Atualmente, pode ser vista na íntegra com a dublagem original pelo serviço de streaming Looke. Entre 2015 e 2018, uma série de 6 filmes foi lançada, trazendo os personagens do animê original na adolescência. Chamada de Digimon Adventure tri., foi exibida aqui no Brasil com os filmes divididos em episódios de meia hora, através da Crunchyroll.

Publicidade
close