Ghost in the Shell SAC_2045: Antes de estrear, nova animação já programa a 2ª temporada

Lançamento mundial está marcado para a próxima quinta-feira.

Com estreia mundial marcada para o próximo dia 23 de abril na Netflix, Ghost in the Shell SAC_2045 já tem decidida a sua segunda temporada, conforme release de imprensa divulgado por sites como o Comic Natalie e o ANN. Apesar de várias reações contrárias dos fãs aos trailers divulgados, a produção parece estar segura de um bom retorno.

A nova animação do universo de Ghost in the Shell é feita completamente em computação gráfica, trazendo de volta o elenco principal de vozes japonesas, que estão na franquia desde o primeiro filme dos anos 1990. “SAC” é uma abreviação de Stand Alone Complex, o mesmo da série de TV feita em 2002 (que ganhou compilações em formato de filme, disponíveis aqui pelo Prime Video e Looke). No entanto, tanto a história do mangá original quanto da aclamada animação transcorrem no futuro de 2029, enquanto a nova produção para a Netflix se passa no ano de 2045. Uma sinopse curta divulgada pela plataforma de streaming diz: “Em 2045, uma unidade de elite da polícia japonesa conduz operações cibernéticas secretas após o colapso do capitalismo global.”

Um novo trecho da série também foi revelado e você pode conferir no vídeo linkado abaixo:

SAC_2045 tem os mesmos diretores da animação recente do Ultraman, Kenji Kamiyama e Shinji Aramaki. O estúdio também o mesmo, o Sola Digital Arts, com envolvimento do Production I.G. Nessa primeira temporada estão previstos 12 episódios, de acordo com o que foi divulgado por Maki Terashima-Furuta, presidente da divisão americana do Production I.G.


Fonte: Comic Natalie e ANN


A atmosfera distópica de The Ghost in the Shell se passa no ano de 2029, em um mundo que passou por um grande evolução tecnológica. Mas ao mesmo tempo que a humanidade prosperou artificialmente, ela ruiu como sociedade e potencializou suas desigualdades. Um fruto da nova tecnologia é a ciborgue Major Makoto Kusanagi, que acompanhamos em sua missão de resolver crimes cibernéticos e refletir sobre sua real condição de ser vivo.

O mangá original criado por Masamune Shirow (lançado por aqui pela Editora JBC), foi publicado pela primeira vez em 1989, ganhando uma histórica animação para cinema em 1995, atualmente disponível pela Netflix Amazon Prime Video. Desde então, outras continuações em mangá e também em animê foram lançadas, e até um longa-metragem live-action estrelado por Scarlett Johansson chegou aos cinemas em 2017.

Outros filmes da franquia estão disponíveis no Prime Video e pelo Looke. A JBC lançou em dezembro no Brasil o mangá The Ghost in the Shell 1.5 e atualmente publica os capítulos digitais de Ghost in the Shell: The Human Algorithm. Em DVD e Blu-ray, o filme original foi lançado por aqui pela Focus Filmes.


Ghost in the Shell na Amazon:

Publicidade
close