Imagem: Sonny Chiba quando jovem.

Morre Sonny Chiba, ator em ‘Gavan’, ‘Fantomas’ e ‘Kill Bill’, aos 82 anos

Vítima da COVID-19, o veterano de artes marciais passou por produções de tokusatsu, além de filmes hollywoodianos das séries ‘Kill Bill’ e ‘Velozes e Furiosos’.

Morreu às 17h26 desta quinta-feira (19), pelo horário de Tóquio (5h26 da manhã em Brasília), o ator de artes marciais Sonny Chiba, aos 82 anos. Desde o dia 8 deste mês, o veterano estava internado em um hospital da cidade de Kimitsu, na província de Chiba, devido a uma pneumonia provocada pela COVID-19. Estava em um estado de inalação contínua de oxigênio, mas não resistiu.

Nascido em 23 de janeiro de 1939, na cidade de Fukuoka, Kyushu, Chiba iniciou sua carreira como ator em 1960, estrelando as séries tokusatsu Nanairo Kamen e Allah no Shisha. Em 1968, ficou popular pela série policial Key Hunter. Passando por vários filmes de artes marciais, Chiba fundou a escola de treinamento Japan Action Club (atual Japan Action Enterprise), de onde surgiram vários dublês de séries e filmes do gênero tokusatsu.

Imagem: Cena de Gavan.
Chiba (à esq.) como Voicer, o pai de Gavan | Foto: Divulgação/Toei

Chiba estrelou os filmes tokusatsu Invasion of the Neptune Men (1961), Fantomas (o filme live action de 1966) e Mensagem do Espaço (1978). Participou de dois episódios da série Robot Keiji (1973), criada por Shotaro Ishinomori, como Keitarō Shinjo. De longe, o papel mais memorável de Chiba no tokusatsu foi em Gavan (1982~83), onde interpretou o Policial do Espaço Voicer, pai do herói-título. Cenas de flashback do personagem também foram apresentadas nas séries Sharivan (1983~84) e Shaider (1984~85).

O público brasileiro também pôde ver Chiba nos seguintes filmes: Street Fighter, Street Fighter – O Retorno, Street Fighter – A Vingança (trilogia de 1974; não confundir com a série de games de mesmo nome), Lobisomem Enfurecido (1975), Combate Mortal (1975), Golgo 13 – A Missão Kowloon (1977; baseado na série de mangá Golgo 13), Caçador das Trevas (1979), Comando Samurai (1979), O Segredo do Ninja (1980), Portal do Inferno (1981), A Guerra dos Ninja (1982), A Lenda dos Oito Samurais (1983), Águia de Aço III: Ases do Céu (1992), Preparado para Matar (1994), No Limite da Vingança (1995), Os Cavaleiros da Tempestade (1998), Kill Bill: Volume 1 (2003), Kill Bill: Volume 2 (2004), Modo de Sobrevivência 5 (2004), Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio (2006) e Kill Bill: O Inteiro Caso Sangrento (2011).

Imagem: Cena de Kill Bill.
Sonny Chiba, ao lado de Kenji Ohba, no filme Kill Bill: Volume 1, dirigido por Quentin Tarantino | Foto: Divulgação/Miramax

Curiosamente, Chiba e Kenji Ohba – Voicer e Gavan, respectivamente – participaram juntos dos dois primeiros filmes de Kill Bill. Chiba interpretou Hattori Hanzo.

No próximo dia 1º de outubro, estreia no Japão o filme Bond of Justice: Kizuna, sendo a última participação de Chiba no cinema.

Deixamos aqui nossos sentimentos.


Fonte: Oricon

Publicidade
close