Imagem: O Kamen Rider em 'Kamen Rider Black RX'.

Kamen Rider Black RX: Sato Company fala sobre a dublagem clássica da série em nota oficial

Distribuidora informa que buscou negociação com dubladores, mas que boa parte ainda não aceitou a proposta.

A série tokusatsu Kamen Rider Black RX está de volta ao Brasil desde o último sábado (8), com todos os episódios disponíveis na plataforma de streaming Prime Video, com áudio original em japonês e legendas em português.

Como esperado, o clássico exibido pela extinta Rede Manchete retornou sem sua dublagem clássica, realizada pela também extinta Álamo. Ainda não houve acerto entre a Sato Company e os dubladores das séries antigas sobre seus respectivos direitos conexos.

Sobre isso, a distribuidora enviou nesta terça (11) um comunicado oficial para a imprensa informando que a mesma “buscou incessantemente negociar com os dubladores“. Porém não houve acerto por parte dos dubladores que “não aceitaram” a proposta da Sato Company, que chegou a oferecer “o dobro que o mercado pagaria como [direitos] conexos“.

Confira a nota na íntegra:

A Sato Company tem o prazer de anunciar o retorno da série tokusatsu “Kamen Rider Black RX” ao Brasil, sendo um dos grandes destaques do gênero e também da franquia Kamen Rider.

A série conta com 47 episódios, e de início será disponibilizada na plataforma da Amazon Prime Vídeo, onde se encontra outros grandes sucessos com distribuição da Sato Company.

Conteúdo vai ao ar com legendas em português. Infelizmente a dublagem original não poderá ser publicada. Apesar do desejo de atender os fãs, mas que infelizmente não depende só de nós.

A Sato Company buscou incessantemente negociar com os dubladores e poucos que não aceitaram a nossa proposta inviabilizam o acordo coletivo. Oferecemos o dobro que o mercado pagaria como conexos.


Fonte: Sato Company


Kamen Rider Black RX

Imagem: Kamen Rider Black RX e Shadow Moon.
RX enfrentando o ressurreto Shadow Moon | Foto: Divulgação/Toei

Kamen Rider Black RX é uma continuação direta de Kamen Rider Black (disponível atualmente na plataforma gratuita de streaming Pluto TV) e mostrava Issamu Minami (Kotaro Minami) tentando viver uma nova vida após a batalha final contra o Império Gorgom. A vitória do herói havia chamado a atenção do Império Crisis, que estava planejando dominar a Terra e estudando todas as técnicas de Black.

Ao sofrer um ataque mortal contra de Crisis, Issamu renasce – milagrosamente – com novos poderes, graças à absorção dos raios solares pelo King Stone. Durante a série, RX obtém duas novas formas – Robo Rider e Bio Rider. Nos últimos episódios, RX conta com a ajuda dos primeiros 10 Kamen Riders para derrotar Crisis.

Originalmente, Black RX foi ao ar nas manhãs de domingo pelas emissoras MBS e TBS, entre 23 de outubro de 1988 e 24 de setembro de 1989, sendo a última série da franquia na era Showa. Totalizou 47 episódios para TV e um para o cinema. No Brasil, Black RX estreou na extinta Rede Manchete em 24 de julho de 1995 e foi exibido até o final de 1997, com distribuição da extinta Tikara Filmes. Pelo também extinto canal pago Fox Kids vimos sua versão americanizada: Saban’s Masked Rider.

Publicidade
close