Imagem: Neon Genesis Evangelion clássico.

Pelo 2º ano consecutivo, tema de ‘Evangelion’ é a música de animê mais cantada em karaokês

Zaaaankoookunatenshi no têeezêee… \o/

Mesmo com novos sucessos chegando aos pedidos de karaokês no Japão, é uma música de 24 anos que segue imbatível na preferência da cantoria no país. Segundo ranking divulgado pelo site JOYSOUND (serviço de karaokê online), na categoria Animê/Tokusatsu/Games, a música “Zankoku na Tenshi no Thesis” foi a mais executada pelos cantores nipônicos no período de 1º de janeiro até 30 de novembro deste ano.

Interpretada originalmente por Yoko Takahashi, a música foi tema da série de TV Neon Genesis Evangelion, clássico dos anos 1990. No ano passado ela já havia ficado em 1º lugar na mesma categoria e, em março deste ano, também foi divulgada como a música mais executada em karaokês durante a Era Heisei (período exercido pelo imperador Akihito, de 1992 a 2019).

Nessa “categoria otaku”, o tema de Evangelion superou a música do filme Stand By Me Doraemon (2º lugar); “Peace Sign“, a 2ª abertura de My Hero Academia (3º lugar); “Sugar Song to Bitter Step“, o encerramento de Blood Blockade Battlefront (4º lugar); e “Uchiage Hanabi“, tema da DAOKO para o filme Fireworks – Luzes no Céu (5º lugar).

Confira o restante da lista divulgada:
6º – “Let It Go – Ari no Mama de” (de Takako Matsu, versão japonesa do tema do filme Frozen)
7º – “Single Bed” (de Sharam Q, encerramento do animê D.N.A²)
8º – “Zenzenzense” (música do RADWIMPS para o filme Your name.)
9º – “Touch” (de Yoshimi Iwasaki, abertura do animê Touch)
10º – “God Knows…” (de Aya Hirano, voz da personagem Haruhi Suzumiya no animê The Melancholy of Haruhi Suzumiya)
11º – “Kimi no Shiranai Monogatari” (do Supercell para o animê Bakemonogatari)
12º – “A Whole New World” (da dupla Tomoya Nakamura e Haruka Kinoshita, versão japonesa do filme Aladdin)
13º – “unravel” (tema de abertura do animê Tokyo Ghoul)
14º – “Harunohi” (tema do 27º filme de Crayon Shin-chan, ‘Honeymoon Hurricane -The Lost Hiroshi‘)
15º – “Doraemon” (tema do 38º filme de Doraemon, ‘Nobita’s Treasure Island‘)
16º – “Sekai ga Owaru Madewa…” (encerramento do animê Slam Dunk)
17º – “Lion” (abertura do animê Macross Frontier)
18º – “Butter-fly” (abertura do animê Digimon Adventure)
19º – “Anpanman no March” (tema do animê Anpanman)
20º – “Kokoro e” (tema do animê Major)

[JOYSOUND via Crunchyroll]


Com 26 episódios produzidos pelo estúdio GAINAX, a série Neon Genesis Evangelion (Shin Seiki Evangelion) foi ao ar no Japão entre 1995 e 1996, adquirindo uma fama gigantesca por ter um “tom” bem diferente dos animês exibidos até então, sendo um marco naquela década e influenciando diversas obras.

Em 1997, foi lançado no Japão o filme Death & Rebirthque recapitula os 24 primeiros episódios em sua 1ª parte, seguindo com uma sequência de animação inédita em sua segunda parte. Essa segunda parte virou a primeira parte de outro filme, The End of Evangelion, também lançado no Japão em 1997, sendo um final alternativo à série de TV (saiba mais aqui).

Dirigida por Hideaki Anno, a trama pós-apocalíptica de Evangelion foca no personagem Shinji Ikari, um adolescente recrutado por seu próprio pai para ser o piloto de um EVA – um bio-robô gigante. Os EVAs, controlados pela organização NERV, são sempre movidos por adolescentes, como forma de combater ameaças alienígenas conhecidas como Angels, a fim de impedir outra catástrofe como a ocorrida na Terra há 15 anos, evento conhecido como o Segundo Impacto.

O animê estreou no Brasil em 1999 pelo extinto canal Locomotion, sendo reprisado anos mais tarde pelo também extinto Animax, com uma redublagem pela Álamo mantendo boa parte do elenco original. Atualmente, com uma 3ª dublagem (saiba mais aqui), está disponível pela Netflix.

Um mangá, produzido originalmente em paralelo com a animação, teve publicação iniciada pela Conrad e finalizada pela Editora JBC (com direito a lançamento simultâneo do último volume juntamente com o Japão).