Ghost in the Shell – SAC_2045: versão dublada estreia na Netflix

Elenco mantém nomes da versão dublada de outros filmes de ‘Stand Alone Complex’.

E finalmente está disponível a versão dublada em português de Ghost in the Shell: SAC_2045, nova série animada da franquia lançada em abril pela Netflix. O animê estreou com essa opção pendente, devido à reestruturação do setor de dublagem em meio à pandemia do novo coronavírus.

A versão brasileira foi realizada pelo estúdio Unidub, em São Paulo, que manteve nomes do elenco dos filmes Stand Alone Complex, produções de 2005 e 2006 lançadas por aqui via Amazon Prime Video. Esse elenco não aproveita nenhum nome da dublagem do filme original dos anos 1990.

Segue a relação dos personagens principais:

  • Makoto Kusanagi – Samira Fernandes
  • Batou – Francisco Junior
  • Togusa – Alexandre Marconato
  • Nômade – Fábio de Castro
  • Stan – Felipe Grinnan
  • Aramaki – Luiz Carlos de Moraes
  • PMC CEO – Mauro Ramos
  • Ishikawa – Ricardo Vasconcelos

A direção da versão brasileira ficou a cargo de Pedro Alcântara, com tradução de Camila Pereira.

Reprodução/Netflix

Acesse a página da série na Netflix clicando aqui.

Com 12 episódios nesta primeira temporada e classificação indicativa para maiores de 18 anos, o novo animê de Ghost in the Shell se passa no ano de 2045 (a saga original é em 2029) quando “uma unidade de elite da polícia japonesa conduz operações cibernéticas secretas após o colapso do capitalismo global.

Os diretores da animação são os mesmos do animê ULTRAMANKenji Kamiyama e Shinji Aramaki. O estúdio também é o mesmo, o Sola Digital Arts, com envolvimento do Production I.G (que produziu o longa dos anos 1990 e tudo da franquia animada).


Fonte: Netflix


A atmosfera distópica de The Ghost in the Shell se passa no ano de 2029, em um mundo que passou por um grande evolução tecnológica. Mas ao mesmo tempo que a humanidade prosperou artificialmente, ela ruiu como sociedade e potencializou suas desigualdades. Um fruto da nova tecnologia é a ciborgue Major Makoto Kusanagi, que acompanhamos em sua missão de resolver crimes cibernéticos e refletir sobre sua real condição de ser vivo.

O mangá original criado por Masamune Shirow (lançado por aqui pela Editora JBC), foi publicado pela primeira vez em 1989, ganhando uma histórica animação para cinema em 1995, atualmente disponível pela Netflix Amazon Prime Video. Desde então, outras continuações em mangá e também em animê foram lançadas, e até um longa-metragem live-action estrelado por Scarlett Johansson chegou aos cinemas em 2017.

Outros filmes da franquia estão disponíveis no Prime Video e pelo Looke. A JBC lançou em dezembro no Brasil o mangá The Ghost in the Shell 1.5 e atualmente publica os capítulos digitais de Ghost in the Shell: The Human Algorithm. Em DVD e Blu-ray, o filme original foi lançado por aqui pela Focus Filmes.

Publicidade
close