Imagem: O Kamen Rider no mangá 'Kuuga'.

Kamen Rider Kuuga: JBC anuncia mangá baseado na série de TV

A publicação também é baseada na série tokusatsu ‘Kamen Rider Agito’.

No segundo dia da JBC Festa, a Editora JBC e o canal TokuDoc anunciaram em primeira mão nesta terça (25) o lançamento do mangá de Kamen Rider Kuuga no Brasil, em comemoração aos 20 anos dos mangás da editora brasileira.

Com planejamento do produtor Shinichiro Shirakura, o mangá de Kamen Rider Kuuga é uma adaptação da série televisiva de tokusatsu do mesmo nome e também de Kamen Rider Agito. A história foi escrita por Toshiki Inoue (roteirista de Kamen Rider Agito, 555 (Faiz) e Kiva) e ilustrada por Hitotsu Yokoshima (Bateren XX, Akuto-ACT).

Sinopse oficial:

Uma série de assassinatos bizarros acontecem em Tóquio. A crueldade do criminoso fez
os membros da Divisão de Investigação do Departamento de Polícia Metropolitana
se perderem na raiva, mas não o jovem detetive de elite Kaoru Ichijo, que se manteve
atento para acompanhar calmamente a investigação.

Enquanto isso, em Korogatake, na província de Nagano [a 170 km de Tóquio], acontece um outro assassinato, de
um pesquisador. O que conecta os dois incidentes aparentemente não relacionados é a
existência de uma certa “coisa viva” que não parece ser “humana”.

Enquanto isso, o jovem Yusuke Godai se envolve na descoberta de um cinto misterioso
encontrado durante uma escavação arqueológica e seu destino estará selado com o futuro
da humanidade.

Veja as imagens na galeria:

O título é publicado originalmente desde dezembro de 2014 pela revista HERO’S (Editora Shogakukan), a mesma do mangá ULTRAMAN, da dupla Eiichi Shimizu e Tomohiro Shimoguchi (também publicada no Brasil pela JBC). Até o momento, Kuuga rendeu 16 volumes encadernados, sendo que o mais recente foi publicado no Japão em março deste ano.

Em tempo, o canal JBox TV no YouTube transmitiu na noite desta segunda (24) um painel sobre mangás shoujo, com o anúncio do relançamento de A Princesa e o Cavaleiro, clássico do “deus do mangá” Osamu Tezuka, no primeiro dia do JBC Festa. Veja aqui a programação do evento.


Fonte: TokuDoc


Quase na TV brasileira

Kamen Rider Kuuga foi a segunda obra póstuma do mangaká Shotaro Ishinomori (1938~1998). Sendo Moero! Robocon a primeira, exibida pela TV Asahi entre 31 de janeiro de 1999 e 23 de janeiro de 2000 – substituindo as séries Metal Hero na faixa dominical das 8h da manhã.

Devido o sucesso de Moero! Robocon, que atingiu 10% de audiência, a Toei se motivou a formar um novo “boom” de Kamen Rider. Curiosamente, Kuuga seria contado como o 15º Rider, considerando naquele momento que Black e Black RX eram vistos como um só.

Joe Odagiri como Yusuke Godai | Divulgação/Toei

Yusuke Godai é um jovem de 25 anos que havia viajado pelo mundo. Sempre positivo e fazendo o sinal com o polegar para cima (usado pelos romanos para aprovações), carrega o desejo de completar a meta de 2000 habilidades e principalmente de proteger o sorriso das pessoas. Um dia ele consegue um estranho cinto originado de uma antiga civilização e se transforma em Kuuga para lutar contra a tribo Grongi. Seus aliados são o policial Kaoru Ichijou, sua grande amiga Sakurako Sawatari, além da própria polícia que classificou as criaturas como “entidades desconhecidas”.

A série teve 49 episódios e foi ao ar nas manhãs de domingo da TV Asahi, de 30 de janeiro de 2000 a 21 de janeiro de 2001.

Kamen Rider Kuuga quase foi exibido no Brasil em meados na década de 2000. Devido ao retorno d’Os Cavaleiros do Zodíaco na TV brasileira em 2003, pelo canal pago Cartoon Network, a Imagine Action Dá Licença, antiga distribuidora do sr. Luiz Angelotti, apostou no título. As emissoras cogitadas, segundo informações publicadas na revista Anime Kids (de setembro de 2002), seriam a Globo e o extinto canal pago Fox Kids. Infelizmente as negociações não engrenaram e o título ficou eternamente preso na gaveta. O sr. Angelotti falou a respeito em entrevista para o canal JBox TV.

Curiosamente, Kuuga estreou nos EUA em 1º de maio de 2020 pela plataforma de streaming TokuSHOUTsu.

No Brasil e em vários outros países, o canal Toei Tokusatsu World Official no YouTube disponibiliza os dois primeiros episódios de Kamen Rider Kuuga, como parte da comemoração aos 50 anos da franquia.

Publicidade
close