Imagem: Makoto Kusanagi em Ghost in the Shell Arise.

‘Ghost in the Shell: Arise’: 4 filmes estreiam dublados na HBO Max

Série de filmes em OVA ficou só com o último faltando no serviço.

A HBO Max estreou hoje (14) quatro filmes da série Ghost in the Shell Arise, já anunciados anteriormente.

São eles: Limite 1: Dor Fantasma, Limite 2: Sussuros Fantasmas, Limite 3: Lágrimas Fantasmas e Limite 4: Fantasma Solitário, todos com opção de dublagem em nosso idioma, além do áudio original com legendas.

 

Arise (2013-2015) é uma série em OVA de 5 média-metragens de 50-60 minutos cada, com lançamento promocional nos cinemas pouco antes do lançamento do home-vídeo. Cada um é chamado de “border” (“limite”) e os primeiros 4 filmes trazem a música “Ghost in the Shell Arise”, interpretada por Salyu e Cornelius, como abertura.

Os filmes reimaginam o Ghost in the Shell original e são dirigidos por Kazuchika Kise, com roteiro de Two Ubukata. A série se passa em 2027, num futuro onde ciborgues existem, trazendo Motoko Kusanagi como membro da organização 501 – dona de sua prótese corporal –, antes de formarem a Seção 9 do Ato de Segurança Pública. A prótese é um empréstimo feito a ela em troca dos serviços, e isso causa uma certa insatisfação na jovem.

Por algum motivo, o 5º filme (Pyrophoric Cult) muitas vezes não é licenciado junto aos outros 4, e pelos anúncios da plataforma, é possível que esse fique faltando mesmo. Mas o serviço também deve estrear o New Ghost in the Shell (2015), que dá sequência a Arise.


Fonte: HBO Max (1), (2), (3), (4)


O JBox participa de parcerias comerciais com a Amazon, podendo ganhar um valor em cima das compras realizadas a partir dos links do site. Contudo, o JBox não tem responsabilidade sobre possíveis erros presentes em recursos integrados ao site mas produzidos por terceiros.


Ghost in the Shell

Koukaku Kidoutai

Imagem: A Major Makoto Kusanagi no mangá de 'Ghost in the Shell'.

A atmosfera distópica de The Ghost in the Shell se passa no ano de 2029, em um mundo que passou por um grande evolução tecnológica. Mas ao mesmo tempo que a humanidade prosperou artificialmente, ela ruiu como sociedade e potencializou suas desigualdades. Um fruto da nova tecnologia é a ciborgue Major Makoto Kusanagi, que acompanhamos em sua missão de resolver crimes cibernéticos e refletir sobre sua real condição de ser vivo.

O mangá original criado por Masamune Shirow (lançado por aqui pela Editora JBC), foi publicado pela primeira vez em 1989, ganhando uma histórica animação para cinema em 1995, atualmente disponível pela Netflix e Amazon Prime Video. Desde então, outras continuações em mangá e também em animê foram lançadas, e até um longa-metragem live-action estrelado por Scarlett Johansson chegou aos cinemas em 2017.

Outros filmes da franquia estão disponíveis no Prime Video e pelo Looke. A JBC lançou em dezembro no Brasil o mangá The Ghost in the Shell 1.5 e atualmente publica os capítulos digitais de Ghost in the Shell: The Human Algorithm. Em DVD e Blu-ray, o filme original foi lançado por aqui pela Focus Filmes.

Publicidade
close