Criador de ‘One Piece’ tece elogios a ‘Demon Slayer: Kimetsu no Yaiba’ durante a Jump Festa

Eiichiro Oda destacou a importância da obra durante um ano bastante atípico.

Como muitos devem saber, no último fim de semana aconteceu mais uma edição da Jump Festa, evento tradicional da Shueisha que celebra as obras da editora japonesa e traz uma série de anúncios de seus principais títulos e apostas. Em um dos painéis, coube um momentinho de rasgação de seda a Demon Slayer: Kimetsu no Yaiba pelo criador do consagrado One Piece, Eiichiro Oda.

Painel de One Piece na Jump Festa 2021 | (C) SHUEISHA Inc./Reprodução: Mantan-Web

Não, Oda não esteve presente. Mas uma porta voz especial trouxe suas palavras: Mayumi Tanaka, a voz original do Luffy, protagonista da versão animada de One Piece. A mensagem levada por Tanaka faz um balanço do ano difícil e destaca a esperança renovada no sucesso arrebatador da obra de Koyoharu Gotouge.

Confira as palavras abaixo (em tradução livre):

“Olá, espectadores da Jump Festa! Esse com certeza foi um ano tumultuado, né? Tenho convicção que muitas pessoas foram fortemente impactadas pela Covid-19. Parecia como algo saído de um sonho mas, no meio disso tudo, pessoas em muitos setores trabalharam duro para trazer sorrisos aos rostos das demais pessoas. Eu quero aplaudi-los. Esse foi o tipo de ano que 2020 foi.

Na Jump, Demon Slayer foi realmente incrível. Gostei de como ele foi capaz de salvar os sentimentos de tantas pessoas. Um trabalho absolutamente excelente. É assim que eu quero que mangás sejam. De alguma forma, isso me tocou.”

Capa nacional do 1º volume | Divulgação: Panini

Demon Slayer tem sido um dos maiores fenômenos dos mangás dos últimos tempos, batendo recorde atrás de recorde, estendendo o sucesso com sua versão animada. Mugen Train, o filme derivado em cartaz atualmente no Japão, está a poucos passos de superar A Viagem de Chihiro para se tornar a maior bilheteria da história do país. Em seu 23º e último volume, lançado neste mês, o mangá atingiu a maior vendagem de um quadrinho japonês em uma semana de estreia.

No Brasil, a obra original é publicada pela Panini, que anunciou recentemente a reimpressão dos primeiros volumes. O animê é exibido legendado por streaming pela Crunchyroll e pela Funimation.


Fonte: Mantan-web via ANN


A trama de Demon Slayer: Kimetsu no Yaiba se passa no Japão do período Taisho e apresenta a história de Tanjiro Kamado, um garoto de bom coração que vendia carvão para sobreviver, até o dia que seus pais foram cruelmente assassinados por um demônio, que também amaldiçoou sua irmã mais nova, transformando-a num demônio. Embora devastado com tudo que lhe aconteceu, Tanjiro decide tornar-se um “matador de demônios,” procurando aquele que massacrou sua família, enquanto também tenta encontrar um meio para que sua irmã volte a ser humana novamente.

O mangá de autoria de Koyoharu Gotoge foi publicado na Shonen Jump entre 2016 e 2020, rendendo 23 volumes encadernados no total. A Panini publica o mangá no Brasil. A série foi um fenômeno de vendas em 2019 e já possui mais de 100 milhões de cópias em circulação.

A versão em animê tem produção do estúdio Ufotable, e é exibida oficialmente no Brasil via streaming pela Crunchyroll e pela Funimation, com legendas em português.

O filme continuando a série estreou em 16 de outubro no Japão e segue com bilheteria recorde, mas talvez Gotoge não aproveite tanto.

Publicidade
close