Imagem: Mario e Kaneda, ao fundo o logo de 'Tokyo 2020'.

Shotaro Kaneda, de ‘Akira’, e Mario estavam em plano original de abertura das Olimpíadas 2020

Plano foi apresentado ao Comitê Olímpico Internacional em março do ano passado, mas não deve corresponder mais ao plano atual.

A revista japonesa Shukan Bunshun teve acesso aos planos originais para a abertura das Olimpíadas em Tóquio, inicialmente prevista para o ano passado. Os jogos olímpicos agora começam em 23 de julho deste ano, sem público estrangeiro nos estádios.

Esse projeto foi apresentado ao Comitê Olímpico Internacional em abril do ano passado, logo após adiarem o evento para 2020, sendo bem recebido. No entanto, provavelmente não corresponde mais aos planos atuais pois a equipe de planejamento foi trocada.

Quem estava no comando na época da elaboração das abertura e encerramento era o ator Nomura Mansai, com um time trazendo a coreógrafa Mikiko para montar a abertura, mas em dezembro de 2020 Hiroshi Sasaki assumiu a chefia para elaborar um novo plano para abrir e fechar o evento. Ou seja, foi o projeto de Mikiko que veio a público agora.

Sasaki, contudo, foi recentemente afastado após vazarem uma sugestão do publicitário de colocar a comediante Naomi Watanabe vestida de porco na abertura do evento (a mídia está chamando isso de “caso Olímporco”) – Watanabe estava programada para aparecer mas nunca foi abordada sobre essa proposta, segundo o SoraNews. A sugestão teria sido feita ainda em março do ano passado e foi vazada também pela Shukan Bunshun há alguns dias.

De acordo com o documento de 280 páginas revelado pelo veículo, os planos da coreógrafa incluíam uma homenagem a Akira, especialmente por ter “previsto” as Olimpíadas em Tóquio (ou Neo-Tóquio) em 2020 – e o evento acaba não acontecendo na obra.

Shotaro Kaneda entraria logo no começo da abertura, chegando em sua moto vermelha na Neo-Tóquio no estádio. As palavras “Neo Tokyo in 2020”, escritas por Katsuhiro Otomo, criador da série, apareceriam em uma projeção, junto com imagens de Tóquio.

Após isso, uma apresentação dando “boas-vindas a Neo Tóquio” se iniciaria, fazendo uma retrospectiva das Olimpíadas de 1964, também na cidade. Então, Naomi Watanabe traria o público de volta ao presente e os atletas entrariam no estádio. Ao final, o Mario, de Super Mario Bros., apareceria, pulando entre duas “lanternas” e uma dança começaria no solo.

Após Sasaki deixar o cargo, a presidente do comitê de organização das Olimpíadas, Seiko Hashimoto, disse não ter como mudar os planos agora – a apresentação montada por Sasaki, ainda desconhecida, deve ser seguida. Contudo, o público, um tanto insatisfeito com diversos escândalos envolvendo o evento, recebeu muito bem a proposta de Mikiko, o que deve trazer ainda mais problemas para a organização.


Fonte: SoraNews

Publicidade
close