Imagem: O ninja Jiraiya.

Jiraiya: Editora JBC publicará mangá nacional do Incrível Ninja

Nova obra do Henshin Universe contará com os autores do quadrinho ‘Blackout’, e será ambientada 50 anos após a série original.

A Editora JBC anunciou oficialmente na tarde deste domingo (05), durante painel na edição online da CCXP, a publicação do mangá nacional de Jiraiya: O Incrível Ninja. A notícia foi divulgada diretamente do Japão pelos próprios atores Takumi Tsutsui (57) e Takumi Hashimoto (45), que interpretaram os irmãos Toha e Manabu Yamashi na série tokusatsu de 1988.

O mangá de Jiraiya fará parte do Henshin Universe, a saga de quadrinhos da JBC (iniciada em O Regresso de Jaspion) que apresenta histórias originais baseadas nas séries tokusatsu da Toei Company, em parceria com a Sato Company. O roteiro será de Chris Tex e as artes de Santtos e Jhonny Domingos – autores de Blackout (quadrinho em lançamento pela JBC com o selo Start!), além da edição de Marcelo del Greco e produção executiva de Edi Carlos Rodrigues.

Imagem: Foto dos autores.
A dupla Chris Tex e Santtos | Foto: Divulgação

O roteiro está em fase final de edição e as primeiras imagens ainda estão em fase de testes, revelando a ideia de continuar a trama após o final da série de TV (mostrando Jiraiya e Eminin Emiha no ombro esquerdo do Deus Jirai). Veja as imagens:

As primeiras informações serão divulgadas no primeiro semestre de 2022 e a previsão lançamento é para meados do primeiro semestre de 2023.


Fonte: Release de imprensa.


Jiraiya

Foto: Divulgação/Toei

Um dos maiores sinônimos dos heróis japoneses em nosso país, Jiraiya: O Incrível Ninja foi a sétima série Metal Hero. Produzida pela Toei Company em 1988, conta as aventuras do jovem Toha Yamashi, aprendiz da arte ninja de Togakure, ensinada por seu pai adotivo Tetsuzan, que representa a 34ª geração do clã. A Família Yamashi é a legítima defensora da inscrição que revela o paradeiro de Pako, uma miraculosa cápsula do espaço originada de uma civilização mais avançada que a Terra. Porém, os Yamashi detém da primeira metade da inscrição. A outra metade foi roubada por Dokusai, chefe da Família de Feiticeiros. Começa assim a disputa por Pako, mas ninjas de vários países também entram nesta guerra pelo tal tesouro.

Entrando no embalo do sucesso de séries tokusatsu como JaspionChangeman e Flashman, a distribuidora Top Tape trouxe Jiraiya para o Brasil. A estreia aconteceu no dia 2 de outubro de 1989, junto com Lion Man, no programa Cometa Alegria, da extinta Rede Manchete. Ganhou uma última reprise pela mesma emissora em dezembro de 1998, dando adeus à TV brasileira no final de outubro de 1999, quando a Manchete se encontrava em transição para a RedeTV!. Na ocasião, Jiraiya estava licenciado pela Tikara Filmes.

A série se tornou um cult entre os fãs de tokusatsu. Os atores Takumi Tsutsui (Toha/Jiraiya) e Takumi Hashimoto (Manabu) já estiveram no Brasil para participar de eventos de cultura pop, passando recentemente pelas edições paulista e carioca do Anime Friends.

A série foi lançada em DVD pela Focus Filmes no ano de 2009.

Entre 22 de março e 13 de setembro de 2020, Jiraiya foi reprisado nas manhãs de domingo da Band, junto com Jaspion e Changeman. Todos os 50 episódios foram exibidos nesta última exibição.