Imagem: Do fundo para frente, as Cure Flamingo, La Mer, Summer, Papaya e Coral de perfil.

Resenha | Tropical-Rouge! Precure: O retorno de uma lenda | Episódios 28 a 30

Nos episódios mais recentes de ‘Tropical-Rouge!’, uma personagem lendária deu às caras e trouxe muitas perguntas com sua aparição.

Nos mais recentes episódios de Tropical-Rouge!, as nossas heroínas Precure ganharam o seu mais novo ataque em grupo. Entretanto, antes que isso pudesse acontecer, tivemos um episódio de slice of life muito interessante – e que revelou um pouco mais sobre uma das protagonistas mais misteriosas da temporada.

A escritora e o festival

Imagem: Minori em carteira escolar.
Reprodução: Toei/Crunchyroll.

O 28º episódio do anime foi focado em Minori, a heroína que quase nunca fala de sua vida pessoal. Entretanto, esse foco surgiu como uma surpresa, pois o episódio em si começou de tal modo que era difícil saber qual caminho ele iria seguir. Para se ter uma ideia, a trama inicial envolvia um festival feito na escola de Aozora, que reuniria todos os clubes da escola.

No fim, esse enredo foi utilizado sabiamente pelos roteiristas para inserir Minori em situações nas quais poucas vezes ela foi colocada antes. Primeiramente, ela teve que mostrar poder ser mais extrovertida quando necessário, pois participou sozinha de uma entrevista televisionada para o Clube de Rádio da escola – e até mesmo se maquiou para isso.

Depois, quando Laura e as outras meninas questionaram a relação de Minori com o Clube de Literatura (a sereia havia descoberto diversos detalhes sobre o passado de Minori), a nossa Cure Papaya revelou com detalhes todos os motivos pelos quais abandonou o antigo clube.

Confesso que esperava um grande episódio mostrando a relação de Minori com outras integrantes do Clube de Literatura, mas a forma como tudo foi apresentado também foi satisfatória. Conhecer mais sobre cada uma das heroínas sempre é importante para a profundidade da série.

Faltou apenas explicar o porquê, durante o ataque do monstro da semana, Minori se mostrou tão preocupada com o estado dos livros vendidos no festival pelo Clube de Literatura. Sabemos que a personagens escreveu textos e um livro para o antigo clube no passado, mas é improvável os livros nesse caso terem alguma palavra escrita por ela, uma vez que agora ela está cada vez mais envolvida com o Clube Tropical.

Uma lenda tropical

Imagem: A garota dos sonhos da Bruxa da Protelação.
Reprodução: Toei/Crunchyroll.

Talvez o melhor episódio da temporada até agora tenha sido o 29º. Ele envolveu tanta coisa que chega a ser difícil descrever tudo em poucos parágrafos.

Basicamente, o episódio começou com a Bruxa da Protelação liberando uma nova esfera de energia e o Mordomo criando um Super Kero-não com esse poder. Esse monstro espalhou uma horda de criaturas pela cidade e as Precures precisaram intervir.

As batalhas do episódio foram incríveis, com uma animação super fluída e levemente diferente da aplicada em outros capítulos da temporada (talvez tenha sido um teste para a animação da temporada de 2022?). Em relação a história, o episódio não ficou para trás.

Para começar, descobrimos que a Bruxa da Protelação está tendo visões com uma misteriosa menina. Só que essa menina não é uma pessoa comum: ela é muito parecida com a lendária precure do passado, que apareceu para as garotas em um momento de necessidade e as conferiu um novo ataque em grupo para derrotar o monstrão da semana.

A aparição da precure lendária, bem como sua possível relação com a Bruxa da Protelação, levanta diversas questões, mas parece também mostrar que os roteiristas têm um bom controle da narrativa e sabem para onde estão encaminhando a história. Mal posso esperar para saber como tudo vai se desenrolar e tenho já as minhas teorias sobre esse enredo tão envolvente.

Laura quer ser presidente

Imagem: Laura em uniforme escolar, com faixa e bandana indicando ser a presidente estudanil.
Reprodução: Toei/Crunchyroll.

Depois de dois episódios empolgantes, voltamos ao mundo do slice of life focado na sereia Laura, como muitos outros episódios dessa temporada. No caso, estou falando do episódio 30, que envolveu uma disputa de Laura pela presidência do conselho estudantil da escola.

Não foi um episódio ruim, mas a verdade é que outro episódio focado em Laura, nessa altura da temporada, começa a deixar as coisas maçantes. Felizmente, o capítulo teve alguns pontos muito interessantes e que deverão ser trabalhados em breve.

O primeiro diz respeito ao Mordomo. O vilão parece ter ficado bem intrigado com a aparição da lendária precure no episódio anterior. Não me surpreenderia em descobrir que a Bruxa da Protelação não é tão má quanto parece, sendo apenas uma vítima do Mordomo, pois cada vez mais acredito que ele é o verdadeiro antagonista dessa série.

Outro ponto é a descoberta da relação de Asuka com Yuriko, a atual presidente do conselho estudantil. O episódio brevemente citou que as duas eram parte do clube de tênis, tendo ganhado um campeonato como dupla. Essa relação de Asuka e Yuriko parece ser o ponto principal do próximo episódio da temporada.

Confesso que gosto de quando essas relações são construídas assim, episódio a episódio, com pequenas pistas, como tem acontecido com Asuka e sua rival. No fim, parece que vai valer a pena esperar ver como tudo será exposto na história – mas isso, só descobriremos no próximo capítulo.


Tropical-Rouge! Precure é exibido pela Crunchyroll com legendas em português de forma simultânea com o calendário japonês. A empresa fornece ao JBox um acesso à plataforma. Confira as outras resenhas da série: episódios 1, 2-3, 4-5, 6-7, 8-10, 11-13, 14-16, 17-18, 19-21, 22-24, 25-27.


O texto presente nesta resenha é de responsabilidade de seu autor e não reflete necessariamente a opinião do site JBox.

Publicidade
close